fbpx
PUBLICIDADE


Deputado pede veto de lei sobre patinetes usando MP da Liberdade Econômica

Deputado estadual Filipe Soares (DEM) solicitou que o governador do Rio de Janeiro vete projeto aprovado com urgência pela ALERJ que exige até autorização do Detran para pilotar patinetes elétricas

- Publicado no dia
Foto: Reprodução/Pleno.News

O deputado estadual Filipe Soares (DEM/RJ) enviou um ofício nesta sexta-feira (14) ao governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, solicitando veto ao projeto de regulamentação do aluguel de patinetes elétricas no estado, lei aprovada na última quinta-feira (13) na ALERJ.

O parlamentar, que vem a ser filho do conhecido missionário evangélico R.R. Soares, argumentou que a proposição “pode inviabilizar o empreendedorismo no setor de mobilidade” e citou “absurdos” da regulação, como a necessidade de o cidadão fazer uma prova no Detran para usar as patinetes elétricas.


PUBLICIDADE



Para embasar seu argumento, o deputado lembrou a Medida Provisória 881/2019, conhecida como “Declaração de Direitos de Liberdade Econômica”. A medida, que foi decretada por Jair Bolsonaro no final de abril, prevê que União e Unidades Federativas “garantam a livre iniciativa sem retardamento ou impedimento de inovação”. Curiosamente, os parlamentares que propuseram a regulamentação das patinetes são do próprio partido de Jair Bolsonaro – os também deputados estaduais Alexandre Knoploch e Gustavo Schmidt.

“Por estas razões apresentadas, rogo ao bom senso de Vossa Excelência frente ao apresentado que vete a proposição para que a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro possa realizar as alterações necessárias para que a proposição esteja de acordo com a legislação vigente”, concluiu o parlamentar.

Confira, abaixo, a íntegra do documento obtido com exclusividade pelo Boletim da Liberdade:

Foto: Reprodução

+ Em maio, o Boletim da Liberdade conversou com o secretário Paulo Uebel, que liderou o processo de criação da Medida Provisória de Liberdade Econômica

★ ★ ★

Nós criamos o Boletim da Liberdade porque acreditamos em um jornalismo sério, independente e de viés liberal. Você pode ajudar esse projeto.

Para que possamos manter e melhorar nossa missão de organizar, divulgar e apurar informações de interesse público, tornando-as acessíveis para todos, precisamos da sua ajuda. Se você é um entusiasta do Boletim, colabore fazendo uma assinatura. Com menos de R$ 10 ao mês, você ajuda a viabilizar um jornalismo mais plural e democrático no Brasil e tem acesso a conteúdos exclusivos.

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.