Candidato, Datena dividirá palanque com Kim Kataguiri, do MBL, em São Paulo

Apresentador José Luiz Datena deve ser formalmente anunciado candidato ao Senado por São Paulo e seu partido tem a expectativa de que o apresentador pode bater recorde nacional de votação

- Publicado no dia
Foto: Divulgação/Band

O apresentador de televisão José Luiz Datena, famoso por apresentar programas policiais, entrará para a política nessas eleições. A notícia, confirmada pelo UOL, é de que ele finalmente aceitou concorrer ao Senado. [1]

Desde abril, o jornalista está filiado ao DEM, mesmo partido pelo qual Kim Kataguiri será candidato a deputado federal e que deve apoiar João Doria ao governo de São Paulo.

O MBL aproximou-se do DEM desde o movimento de impeachment, quando a liderança do partido na Câmara tornou “QG” dos movimentos populares simpáticos à causa, de acordo com o deputado federal Sóstenes Cavalcante.


PUBLICIDADE



Prova disso é que Fernando Holiday, coordenador nacional da entidade e eleito pelo DEM em São Paulo em 2016, concorreu e mantém-se filiado à legenda.

A equipe de João Doria considera, de acordo com informações obtidas pelo jornal O Dia, que a presença de Datena na coligação ajudará a “dialogar com o eleitor de baixa renda”.

O DEM, por sua vez, tem a expectativa de que o apresentador será o candidato ao Senado mais votado do Brasil. [2]

Confira também:

► CHEGOU A HORA DE APRENDER SOBRE BITCOINS EM UM GUIA OBJETIVO: Um treinamento para iniciar no mercado de criptomoedas e ganhar dinheiro.

► CRIE UM NEGÓCIO ONLINE E COMPLEMENTE A SUA RENDA. Siga o passo a passo para em 30 dias começar a faturar sem sair de casa.

► VOCÊ SABIA QUE EXISTE TÉCNICA PARA GANHAR NA LOTERIA? Quem comprou, não se arrependeu. 10 dias de garantia ou o seu dinheiro de volta

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Seja um assinante e receba nosso conteúdo por Whatsapp


Seja um mantenedor com uma doação única de qualquer valor

Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.