fbpx
PUBLICIDADE

Novas reformas consolidarão ‘cultura fiscal e de austeridade’, afirma Guedes

Acompanhado do presidente Bolsonaro e do ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, o ministro Paulo Guedes destacou em sua breve fala que medidas darão maior poder de investimento aos entes federativos
(Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
(Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
PUBLICIDADE

O presidente Jair Bolsonaro, acompanhado do Ministro da Economia, Paulo Guedes, e do ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, apresentou formalmente nesta terça-feira (5) no Senado Federal mais um conjunto de reformas econômicas para o país. O conteúdo da matéria já foi repercutido no último domingo (3) pelo Boletim da Liberdade e inclui reforma administrativa e facilitação nas privatizações.

PUBLICIDADE

“O pacto [que estamos propondo] tem várias dimensões. Tem a consolidação de uma cultura fiscal, de uma cultura de austeridade e sustentabilidade fiscal. Na verdade, nós vamos garantir finanças sólidas para a República Brasileira”, afirmou Guedes em discurso.

O ministro também classificou as medidas como “transformações do Estado brasileiro para que ele possa fazer políticas públicas de forma descentralizada” e que, ao todo, seriam “entre 400 e 500 bilhões de reais nos próximos 15 anos” de investimentos a serem conduzidos por estados e municípios.

PUBLICIDADE

“São recursos […] que serão transferidos para educação, saúde, saneamento, segurança, tudo o que o presidente durante a campanha propôs. O dinheiro tem que estar na ponta, tem que ir onde o povo está. Na base. É isso o que o presidente está fazendo: cumprindo uma promessa de campanha”, disse.

Compartilhe essa notícia:




O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama