PUBLICIDADE


Pedido de Flávio Bolsonaro ‘cheira muito mal’, diz Kim Kataguiri, do MBL

Coordenador nacional do Movimento Brasil Livre e deputado federal eleito pelo DEM de São Paulo criticou a decisão e compartilhou questionamentos feitos pelo MBL sobre a polêmica

- Publicado no dia
Kim Kataguiri (Foto: Reprodução / Uol)

O deputado federal eleito Kim Kataguiri (DEM/SP) criticou nas redes sociais o pedido do senador eleito Flávio Bolsonaro para suspender a investigação de seu ex-assessor, Fabricio Queiroz. [1]

No Twitter, afirmou que a situação “cheira muito mal” e relembrou que, quando o vereador Fernando Holiday (DEM), que assim como Kim é coordenador do MBL, foi acusado no passado, “ele mesmo se denunciou no MP para ser investigado e mostrar que é inocente”.

O Movimento Brasil Livre também manifestou-se nas redes sociais contra a medida do Supremo Tribunal Federal que suspendeu a investigação.


PUBLICIDADE



“Mas o foro não foi limitado pelo STF a eventos ocorridos durante o mandato e relativos ao mandato?”, questionou o MBL, obtendo mais de 150 compartilhamentos. Por fim, a entidade perguntou se é Flávio Bolsonaro quem está sendo investigado, uma referência à principal resposta que o senador eleito costuma dar quando questionado sobre o caso – de que ele não é investigado.

Confira também:

► CHEGOU A HORA DE APRENDER SOBRE BITCOINS EM UM GUIA OBJETIVO: Um treinamento para iniciar no mercado de criptomoedas e ganhar dinheiro.

► CRIE UM NEGÓCIO ONLINE E COMPLEMENTE A SUA RENDA. Siga o passo a passo para em 30 dias começar a faturar sem sair de casa.

► VOCÊ SABIA QUE EXISTE TÉCNICA PARA GANHAR NA LOTERIA? Quem comprou, não se arrependeu. 10 dias de garantia ou o seu dinheiro de volta

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Seja um assinante e receba nosso conteúdo por Whatsapp


Seja um mantenedor com uma doação única de qualquer valor

Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.