fbpx
PUBLICIDADE

Líder nas pesquisas, Jair Bolsonaro parabeniza caminhoneiros: ‘prossigam na missão, o patrão são vocês’

Pré-candidato à presidência da república pelo PSL afirmou que a paralisação é uma "oportunidade" para mandar mensagem ao "político profissional", mas pediu desbloqueio de rodovias e criticou Rachel Sharehazade
Foto: Reprodução/Facebook
Foto: Reprodução/Facebook
PUBLICIDADE

O deputado federal Jair Bolsonaro, pré-candidato à presidência da república pelo PSL, manifestou-se diretamente sobre a paralisação dos caminhoneiros nesta sexta-feira (25). Ao contrário das expectativas, o parlamentar parabenizou os grevistas, que chegaram ao quinto dia de paralisação e têm causado escassez de combustível em postos e alimentos em supermercados pelo país. [1]

PUBLICIDADE

Em vídeo publicado no Facebook, Bolsonaro criticou um desabafo da jornalista Rachel Sharehazade, conhecida pelos posicionamentos à direita, onde criticou a greve. “Vale a pena transformar o Brasil inteiro num país de pólvora e sacrificar o pouco de estabilidade que conquistamos a duras penas?”, questionou a âncora do SBT. [2]

Bolsonaro, que admitiu já ter sido um “grande fã” de Sharehazade, lamentou o depoimento da jornalista contrário aos caminhoneiros e deu a entender que endossa as pautas dos grevistas. O pré-candidato criticou o preço dos pedágios, a “indústria da multa”, o roubo de cargas e o preço dos combustíveis.

PUBLICIDADE

“O que vem de fora, de petróleo para cá, é em torno de 20%. Ou seja, acompanhar o preço internacional com uma minoria entrando aqui, isso é um mau caratismo no mínimo. E para tapar o rombo da Petrobrás, o governo quer arrombar o bolso dos brasileiros, entre eles os caminhoneiros”, disse o parlamentar.

Bolsonaro também criticou os reajustes “quase que diariamente” no preço dos combustíveis. Segundo ele, isso “faz a festa dos governadores”.

“Temos muito o que fazer para desconstruir isso tudo. Finalizando, caminhoneiros, parabéns. Vocês estão fazendo algo muito mais importante até do que umas eleições. Eu só peço uma coisa. Não bloqueiem as estradas. Onde, por ventura, estiver ocorrendo bloqueio, é porque tem alguém infiltrado do PT, MST ou da CUT. Fora isso, prossigam na missão”, disse Bolsonaro.

O presidenciável, que lidera as pesquisas de intenção de voto divulgadas até o momento, concluiu deixando uma mensagem aos grevistas: “[essa é] a oportunidade que temos para mostrar ao político profissional, a esses bandidos, que há muito nos governam, que o patrão são vocês”. “Caminhoneiros, estamos juntos”, posicionou-se.

PUBLICIDADE

+ Após acordo, Temer convoca forças de segurança contra caminhoneiros que seguem bloqueando estradas

+ ‘Bloquear estradas e impedir a chegada de combustível, comida e remédio não é protesto, é terror’, diz Santoro

+ ‘A luta deve ser contra o governo, não contra o povo’, defende João Amoêdo

+ Por causa da greve, MBL propõe medidas para reduzir preço dos combustíveis

PUBLICIDADE

+ Sindicalista reclama que preço do combustível no Brasil varia de acordo com o mercado internacional

+ ENQUETE: Se o direito de ir e vir for impedido em estradas, o cidadão deveria ter o direito de usar uma arma para furar o bloqueio?

Compartilhe essa notícia:




O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama