fbpx
PUBLICIDADE


Banalização do mal? Lanchonete cria ‘Geisel Burger’ após revelações da CIA

Situada em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, estabelecimento tem um estilo todo próprio e já homenageou outros políticos associados à direita; homenagear Geisel é de bom gosto? Vote na enquete

- Publicado no dia
Foto: Reprodução/Facebook

Uma lanchonete situada em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, divulgou nesta segunda-feira (14) em sua página no Facebook o mais novo lanche do cardápio: Geisel Burger.

O slogan de gosto duvidoso não deixa dúvidas sobre a referência às revelações da CIA que dão conta que o ex-presidente teria permitido execuções ilegais de brasileiros em seu mandato: “O hambúrguer que manda sua fome pra vala”. [1]


PUBLICIDADE



Com sanduíche composto por 200g de carne, maionese, queijo muçarela e “muito” bacon, o lanche não é o primeiro que segue um estilo político peculiar na lanchonete. “Fome é coisa de comunista, e todo mundo sabe que o Tio Trutis [uma referência ao nome da empresa] odeia o comunismo”.

Ao lado do recém-criado Geisel Burger, dividem espaço no cardápio lanches como o Bolso Burger (creme de alho, sabor tradicional, brasileiro e “sem frescura”) e o The Trump Burger (com 280g de carne, bacon e barbecue de Bourbon). [2][3]

E você, gostou do estilo da lanchonete e, especialmente, de um lanche em homenagem à Geisel? Ou não, achou de mal gosto? Vote na enquete abaixo, que ficará no ar até a próxima quinta-feira (24).

Homenagear Geisel em sanduíche brincando com as revelações da CIA é de bom gosto?

  • Sim. O politicamente correto é uma desgraça e se Geisel fez algo, foi para nos livrar de um mal maior. (71%, 75 Votos)
  • >

  • Não. Políticos mandando matar, fora da lei, brasileiros não têm graça alguma. (29%, 31 Votos)
  • >

Total de Participantes:: 106

Carregando ... Carregando ...
★ ★ ★

Se você acompanha e aprecia o trabalho jornalístico do Boletim da Liberdade, e valoriza a importância de existir um veículo profissional com viés liberal, pedimos que:

➡ Considere fazer uma assinatura solidária ao Boletim. Com uma contribuição mensal, você ajuda que o site continue no ar e possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos. Curta nossas publicações, compartilhe-as para seus amigos e fale do site para conhecidos e familiares liberais. Toda ajuda faz diferença.

Curta nossa página no Facebook

Notícias no WhatsApp
O sexto grupo do Boletim da Liberdade no WhatsApp está com vagas abertas. É por tempo limitado. Entre apenas caso tenha interesse em notícias sobre política e economia com um viés liberal. Clique aqui para entrar.
Siga-nos no Twitter

Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.