fbpx
PUBLICIDADE

Internautas sugerem doação do Fundão Eleitoral para enchentes 

Nomes como o influenciador Leo Picon e o economista Ricardo Amorim, além do deputado federal Vinicius Poit (NOVO/SP) e do vereador Felipe Camozzato (NOVO/RS), estão endossando a corrente
Enchentes município de Trizidela do Vale no estado do Maranhão: desastres ocorrem com frequência em municípios brasileiros (Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil)
PUBLICIDADE

Uma campanha nas redes sociais liderada pelo influenciador Leo Picon ganhou o apoio de político liberais. A corrente propõe que os R$ 4,9 bilhões destinados no Orçamento para o Fundão Eleitoral sejam doados para os municípios atingidos pelas enchentes na Bahia. [1]

PUBLICIDADE

De acordo com informações divulgadas pelo G1 na última segunda-feira (27), o número de desabrigados passou de 30 mil. Ao todo, 116 cidades teriam sido afetadas. [2]

Para piorar, a Bahia também teria, em decorrência o excesso de chuvas, um conjunto de pelo menos 10 barragens em nível crítico, segundo o Corpo de Bombeiros. [3]

PUBLICIDADE

O deputado federal Vinicius Poit (NOVO/SP), um dos críticos do Fundão Eleitoral, defendeu a campanha e disse que “o dinheiro [do fundo] deveria ser investido em prioridades”.

Leia também:  Pré-candidato, Adrilles admite decisão sobre fundão eleitoral

“Uma delas, agora, é assistência para o povo da Bahia, que tá sofrendo com as consequências das chuvas”, disse. [4]

“Você prefere que o seu dinheiro seja gasto em campanha política ou com as prioridades e urgências do país? Precisamos ganhar força para derrubar o Fundão e ajudar milhares de pessoas que precisam nesse momento”, escreveu em outra publicação. [5]

PUBLICIDADE

Além de Poit, nomes como Felipe Camozzato, vereador de Porto Alegre, e do economista Ricardo Amorim, também se manifestaram favoráveis.

PUBLICIDADE

Compartilhe essa notícia:

APOIO

Obrigado por ter lido até aqui.

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Você tem certeza que deseja cancelar sua assinatura?