fbpx
PUBLICIDADE

Filiados do NOVO fazem manifesto e pedem respeito à pluralidade

Carta foi enviada aos diretórios do partido e sustenta que ninguém quer sair do partido, nem deve ser forçado a fazê-lo, e que é preciso "aprender a conviver com pequenas divergências"
Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Um grupo de 539 filiados do Partido Novo enviou uma carta aberta para os diretórios da sigla em resposta ao movimento interno que, na interpretação de fontes ouvidas pelo Boletim, buscaria dividir e constranger membros do partido a agirem de uma única forma.

PUBLICIDADE

O manifesto sustenta que o NOVO deve ser a casa daqueles que comungam dos seis valores principais incluídos no programa do partido e que “eventuais diferenças sobre qual caminho é o melhor para alcançar esses valores não nos torna opositores”.

A carta, cuja íntegra está disponibilizada ao fim dessa matéria, pontua ainda que “quanto mais filiados, dirigentes e mandatários tivermos, mais caminhos diferentes serão possíveis” e que isso “acontece em uma entidade democrática, que congrega líderes e pessoas com alta capacidade de realização”.

PUBLICIDADE

Leia também:  Deputado do NOVO protocola projeto para suspensão de aumento do IOF

Destacando que “ninguém quer sair do NOVO” e que “ninguém vai forçar ninguém a sair do NOVO”, o manifesto afirma, ao fim, que os filiados precisam “aprender a conviver com as pequenas divergências sob o mesmo teto” e que deve haver “foco no que nos une”.

Veja a íntegra da carta abaixo:

Manifesto dos Filiados do NOVO
Compartilhe essa notícia:

Leu até aqui? Siga nas redes!

MARCAS APOIADORAS

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama