fbpx
PUBLICIDADE

Eduardo Paes promoverá ‘passaporte de vacinação’ no Rio

Plano divulgado nesta quinta-feira (29) indica que, para frequentar determinados espaços, será necessário ter "esquema vacinal completo"
Foto: Reprodução/Facebook
PUBLICIDADE

A Prefeitura do Rio anunciou nesta quinta-feira (29) que, dentro do processo do fim das restrições da quarentena, exigirá a apresentação do “esquema vacinal completo” dos cidadãos em algumas circunstâncias. [1]

PUBLICIDADE

Na prática, a medida representa a exigência de um “passaporte de vacinação”, tal como imposto em alguns países europeus e que está em discussão no Congresso Nacional.

No projeto apresentado pelo prefeito Eduardo Paes (PSD), a cobrança do documento se daria em estádios de futebol, danceterias, boates, casas de show e festas em locais fechados já a partir de setembro.

PUBLICIDADE

Segundo o secretário de Saúde, Daniel Soranz, a checagem do esquema vacinal será feito por meio do aplicativo Conecta SUS, do Ministério da Saúde, e não-vacinados serão barrados.

Foto: Reprodução
Compartilhe essa notícia:

Leu até aqui? Siga nas redes!

MARCAS APOIADORAS

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama