fbpx
PUBLICIDADE

Mandatários do NOVO divergem sobre ter havido ‘consulta’ sobre impeachment

Marcel van Hattem e Fábio Ostermann, deputado federal e deputado estadual do NOVO no Rio Grande do Sul, possuem diferentes pontos de vista sobre o episódio
Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

O deputado federal Marcel van Hattem (NOVO/RS) voltou a reiterar em transmissão ao vivo nesta terça-feira (6) que a decisão do partido de apoio ao impeachment “foi tomada sem uma consulta aos mandatários”. A afirmação, contudo, foi rebatida pelo deputado estadual Fábio Ostermann (NOVO/RS) nas redes sociais. [1]

PUBLICIDADE

Segundo Ostermann, “não é verdade” que não teria havido consulta. O parlamentar frisou que “em diversas oportunidades”, desde janeiro, os deputados federais teriam sido consultados sobre o tema pelo Diretório Nacional.

“Precisamos diferenciar, no entanto, ‘ser consultado’ e ter seu posicionamento acatado. Desde janeiro, houve diversas reuniões em que o DN [Diretório Nacional] manifestou a membros da bancada federal sua inclinação pelo impeachment. Deputados contrários tentaram convencer do seu ponto de vista. Como ficou claro, não conseguiram”, disse Ostermann. [2]

PUBLICIDADE

Na avaliação do deputado estadual, “a opinião dos deputados [federais] certamente foi levada em consideração e sem dúvidas serviu de apoio para tomada de decisão do partido – que, inclusive, postergou-a após reuniões com eles”.

Posicionamentos contrários

Marcel van Hattem, assim como parte da bancada federal, se posiciona contrário à abertura do processo de impeachment de Jair Bolsonaro neste momento. Na tramissão, Marcel frisou que não viu “materialidade” no pedido defendido pelo movimento “Vem Pra Rua” e que o diretório nacional do NOVO endossa.

“Eu entendo que nós precisamos ter uma consistência muito forte no pedido, como foi na época da Dilma. Depois de um robusto relatório do TCU, aprovado no Plenário, acabou embasando todo o pedido de impeachment. É preciso que tenha essa materialidade”, frisou van Hattem.

PUBLICIDADE

Compartilhe essa notícia:

Leu até aqui? Siga nas redes!

MARCAS APOIADORAS

Podcast

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Você tem certeza que deseja cancelar sua assinatura?