fbpx
PUBLICIDADE

Moro: ‘Tenho tranquilidade em relação aos acertos das minhas decisões’

Ex-ministro da Justiça divulgou nota nas redes sociais após decisão do Supremo Tribunal Federal e afirmou que "o Brasil não pode retroceder e destruir o passado recente de combate à corrupção e à impunidade"
Sérgio Moro (Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O ex-juiz Sérgio Moro, considerado suspeito pelo Supremo Tribunal Federal (STF) nos julgamentos envolvendo o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no contexto da Operação Lava Jato no Paraná, afirmou em nota divulgada na tarde da última quarta-feira (24) que tem “absoluta tranquilidade em relação aos acertos” de suas decisões. [1]

O magistrado e ex-ministro da Justiça, para reforçar seu posicionamento, mencionou ainda que a “sentença condenatória contra o ex-presidente foi confirmada pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região e pelo Superior Tribunal de Justiça”.

“O Brasil não pode retroceder e destruir o passado recente de combate à corrupção e à impunidade e pelo qual foi elogiado internacionalmente. A preocupação deve ser com o presente e com o futuro para aprimorar os mecanismos de prevenção e combate à corrupção”, pregou.





Atualmente, Sérgio Moro é sócio da consultoria Alvarez & Marsal e, segundo publicações do final de 2020, estaria de mudança para os Estados Unidos.





O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama