fbpx
PUBLICIDADE


João Doria nega fechamento de comércio depois da eleição: ‘mentira’

Especulações de que o governo do estado promoveria endurecimento de medidas contra a pandemia foram também classificadas como tentativa de “golpezinho”

(Foto: Ueslei Marcelino / Reuters)

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), que vem travando uma disputa política com o presidente da República, Jair Bolsonaro, se manifestou nesta sexta-feira (13) sobre os boatos de que promoveria medidas mais duras contra a pandemia do coronavírus com o término das eleições. Ele classificou a informação como “mentira”. [1]

“Eu venho aqui para desmentir mais uma fake news, mais uma mentira. Depois das eleições, nós não vamos fechar comércios ou endurecer medidas de combate à pandemia”, sentenciou Doria. “A pandemia está sob controle em São Paulo. Por isso nós seguimos a pauta da ciência e da medicina. É a saúde que determina o que nós temos que fazer aqui, não a política”, complementou.


PUBLICIDADE



O governador enfatizou que não agirá mediante pressões da política ou de outros interesses. “Meu repúdio aos que espalham esse tipo de mentira na tentativa de prejudicar a nossa gestão ou fazer um golpezinho às vésperas da eleição”, afirmou ainda Doria, ressaltando que a vida dos brasileiros é prioridade de seu governo e recomendando o combate às fake news.

“A prioridade é a vida, é a existência, esse é o maior valor que todos nós temos. Esqueça fake news. Combata a mentira. Trabalhe e lute pela vida, como nós estamos fazendo”, arrematou.

★ ★ ★

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo...

...mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.


➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Muito obrigado!



PUBLICIDADE



Comentários