fbpx
PUBLICIDADE

Em discurso de 4 de julho, Trump fala em derrotar ‘esquerda radical’ e ‘anarquistas’

O presidente dos Estados Unidos ainda acusou a mídia de fomentar os conflitos de caráter racial e afirmou que deverá haver uma solução para o coronavírus antes do fim do ano
Donald Trump (Foto: Reprodução / Sky News)
Donald Trump (Foto: Reprodução / Sky News)
PUBLICIDADE

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, utilizou seu discurso de comemoração pela Independência neste sábado (4), na Casa Branca, para atacar seus adversários e sinalizar objetivos. De acordo com ele, o país vive um processo de combate ao radicalismo de esquerda que ameaça seus fundamentos. [1]

PUBLICIDADE

“Nós estamos agora no processo de derrotar a esquerda radical”, ele disse ao público de algumas centenas de pessoas que estavam presentes no discurso. “Os marxistas. Os anarquistas. Os agitadores. Os saqueadores, e pessoas que, em muitos casos, não têm absolutamente nenhuma pista do que estão fazendo”, complementou, dizendo que não permitirá que uma “multidão enfurecida” continue a vandalizar estátuas, “doutrinar” crianças e ameaçar liberdades.

A cerimônia aconteceu porque Trump se recusou a cancelá-la, apesar de funcionários locais terem questionado a decisão por conta da pandemia do coronavírus. “Graças à coragem desses patriotas em 4 de julho de 1776, a República Americana permanece hoje como a maior, mais excepcional e mais virtuosa nação da história do mundo”, exaltou o presidente.

PUBLICIDADE

Trump acusou a mídia de fomentar conflitos de caráter racial e afirmou que os EUA provavelmente terão uma solução para o problema do coronavírus, sob a forma de uma vacina ou um tratamento eficaz, até o final do ano. Ele condenou também a “cultura do cancelamento”, que levaria militantes a derrubar estátuas e atacar figuras históricas consideradas heroicas. Confira o discurso completo de Trump (em inglês):

Compartilhe essa notícia:

Leu até aqui? Siga nas redes!

MARCAS APOIADORAS

Podcast

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama