fbpx
PUBLICIDADE


Congresso aprova adiamento das eleições municipais para novembro

Proposta de Emenda Constitucional (PEC) já havia sido aprovada no Senado Federal e foi confirmada pela Câmara dos Deputados; primeira e segunda votação ocorreram nesta quarta-feira (1º)

- Publicado no dia
Rodrigo Maia (Foto: Najara Araújo / Câmara dos Deputados)

Câmara dos Deputados aprovou em primeiro e segundo turno no início da noite desta quarta-feira (1º) o adiamento das eleições municipais. Os deputados aprovaram o texto da PEC que adia o pleito para os dias 15 de novembro (1º turno) e 29 de novembro (2º turno).

No Senado Federal, o adiamento já havia sido aprovado anteriormente. Como o texto foi aprovado em ambas as casas, entrou em vigor. Neste processo, não foi preciso sanção presidencial. No texto aprovado, a propaganda eleitoral começará em 27 de setembro.


PUBLICIDADE



maioria dos parlamentares rejeitou a hipótese de prorrogação dos mandatos, conforme especulado. A bancada do NOVO orientou voto favorável ao adiamento.

“O NOVO defende a matéria e o adiamento das eleições é coerente com o que tem sido feito na sociedade. Mas os mandatos não podem ser prorrogados. É muito importante que houve uma maioria ampla nessa Casa contra qualquer tipo de prorrogação. Quem está fazendo um bom trabalho poderá continuar, mas através do voto”, defendeu no plenário o deputado federal Marcel van Hattem (NOVO/RS).

+ ÚLTIMAS VAGAS: Curso de Introdução de Liberalismo abre vagas para a primeira turma por tempo limitado

★ ★ ★

Se você acompanha e aprecia o trabalho jornalístico do Boletim da Liberdade, e valoriza a importância de existir um veículo profissional com viés liberal, pedimos que:

➡ Considere fazer uma assinatura solidária ao Boletim. Com uma contribuição mensal, você ajuda que o site continue no ar e possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos. Curta nossas publicações, compartilhe-as para seus amigos e fale do site para conhecidos e familiares liberais. Toda ajuda faz diferença.

Curta nossa página no Facebook

Notícias no WhatsApp
O Boletim da Liberdade abriu mais um grupo no WhatsApp para recebimento de conteúdos especiais. Mas entre logo: é por tempo limitado. Participe apenas caso tenha interesse em notícias sobre política e economia com um viés liberal. Clique aqui para entrar.
Siga-nos no Twitter

Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



PUBLICIDADE
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.