fbpx
PUBLICIDADE


Com crescimento rápido, Partido Novo comemora 40 mil filiados

Legenda havia atingido a marca de 20 mil filiados no primeiro semestre de 2018 e 30 mil filiados no fim do ano, apresentando rápido crescimento no período eleitoral; legenda é a única do Brasil que cobra por filiação

- Publicado no dia
João Amoêdo em ato de campanha presidencial do Partido Novo em 2018. Após a eleição, ele reassumiu a presidência do partido (Foto: Reprodução / João Amoêdo)

Principal partido de viés liberal do Brasil, o Partido Novo divulgou na última terça-feira (4) que alcançou a marca de 40 mil filiados.

“São 40 mil brasileiros, de mais de 2000 cidades, em todo o Brasil, que saíram da indignação para a ação”, diz o texto de divulgação publicado nas redes sociais.

Segundo o gráfico divulgado pelo partido, os primeiros 10 mil filiados foram batidos no primeiro semestre de 2017. O NOVO comemorou 20 mil filiados um ano depois e, ainda no final de 2018, alcançou 30 mil.


PUBLICIDADE



Filiações são pagas

Por ter como política a não-utilização dos recursos do Fundo Partidário, excetuando-se nos casos obrigatórios previstos na legislação, o NOVO é o único partido do Brasil cuja filiação é paga.

Atualmente, a contribuição mínima mensal ao NOVO é de R$ 29,80, necessária para a filiação. O pagamento pode ser feito por cartão de crédito ou boleto bancário.

 

★ ★ ★

Nós criamos o Boletim da Liberdade porque acreditamos em um jornalismo sério, independente e de viés liberal. Você pode ajudar esse projeto.

Para que possamos manter e melhorar nossa missão de organizar, divulgar e apurar informações de interesse público, tornando-as acessíveis para todos, precisamos da sua ajuda. Se você é um entusiasta do Boletim, colabore fazendo uma assinatura. Com menos de R$ 10 ao mês, você ajuda a viabilizar um jornalismo mais plural e democrático no Brasil e tem acesso a conteúdos exclusivos.

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.