fbpx
PUBLICIDADE


Em café com bancada do NOVO, Bolsonaro fala sobre taxa das bagagens

Presidente teria dado a entender que poderia chegar a um acordo para vetar o projeto, aprovado na Câmara, que proíbe a cobrança adicional caso haja bagagem despachada

- Publicado no dia
Deputados do NOVO se encontram com o presidente Jair Bolsonaro (Marcos Corrêa/PR)

No café da manhã que teve junto com a bancada do Partido Novo na última quarta-feira (29), o presidente Jair Bolsonaro deu indícios de que pode vetar a extinção da obrigatoriedade de as companhias aéreas oferecerem gratuidade no despacho de bagagens nos voos, aprovada na Câmara no dia 21.

Segundo um parlamentar ouvido pelo Boletim da Liberdade presente ao encontro, o presidente tentaria um acordo para isso. Os deputados do NOVO também são contrários à gratuidade obrigatória no despacho das bagagens.


PUBLICIDADE



Outro momento descontraído do encontro teria sido quando Bolsonaro respondeu a declaração dos parlamentares de que eram independentes.

“Que bom que vocês são independentes”, teria brincado o presidente, que encontra dificuldades até em manter integrado o próprio partido, que constitui a base aliada.

A bancada do NOVO é conhecida pela defesa ideológica de muitas medidas do governo, especialmente na área econômica, como a importância da reforma da Previdência. Vídeos do deputado federal Vinicius Poit, por exemplo, já chegaram a ser compartilhados por Bolsonaro.

A bancada também chegou a ser elogiada pelo ministro Paulo Guedes, da Economia, que classificou os parlamentares que fazem parte dela como “excelentes”.

★ ★ ★

Nós criamos o Boletim da Liberdade porque acreditamos em um jornalismo sério, independente e de viés liberal. Você pode ajudar esse projeto.

Para que possamos manter e melhorar nossa missão de organizar, divulgar e apurar informações de interesse público, tornando-as acessíveis para todos, precisamos da sua ajuda. Se você é um entusiasta do Boletim, colabore fazendo uma assinatura. Com menos de R$ 10 ao mês, você ajuda a viabilizar um jornalismo mais plural e democrático no Brasil e tem acesso a conteúdos exclusivos.

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.