fbpx
PUBLICIDADE

MBL Rio organiza ato contra projeto de lei chamado de ‘Rouanet municipal’

Projeto de lei que sofre oposição do Movimento Brasil Livre estabelece a criação do Fundo Municipal de Cultura, que financiaria projetos culturais
Militantes do MBL seguram laranjas na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Foto: Alexandre Brum / Agencia O Dia)
Militantes do MBL seguram laranjas na ALERJ (Foto: Alexandre Brum / Agencia O Dia)

O Movimento Brasil Livre do Rio de Janeiro divulgou neste sábado (16) um ato marcado para a próxima terça-feira (19) contra o Projeto de Lei 1029/2018. O projeto é considerado pelos ativistas uma “Lei Rouanet municipal”. [1]

De acordo com o MBL, o PL é “sem exagero algum uma versão municipal da vergonhosa Lei Rouanet”. A manifestação está marcada para acontecer às 16h na Câmara Municipal do Rio, a poucos metros da Estação Cinelândia do metrô, e o MBL pede que os manifestantes cheguem com meia hora de antecedência.

O PL 1029/2018 define a regulação do Sistema Municipal de Cultura (SIMC), “que tem por finalidade promover o desenvolvimento humano, social e econômico, com pleno exercício dos direitos culturais” e se constitui “no principal articulador, no âmbito municipal, das políticas públicas de cultura, estabelecendo mecanismos de gestão compartilhada com os demais entes federativos e a sociedade civil”. [2]





O órgão seria vinculado diretamente à prefeitura e se financiaria pelo orçamento público do município e pelo Fundo Municipal de Cultura, definido no PL, bem como outros mecanismos que viessem a ser criados. O fundo seria “o principal mecanismo de financiamento das políticas públicas de Cultura no Município, com recursos destinados a programas, projetos e ações culturais, implementados de forma descentralizada”.

Compartilhe essa notícia:




O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama