PUBLICIDADE


Professor universitário atropela pessoas que vendiam camisas de Bolsonaro

Doutor em Ciência Política pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, ele lecionava na Bahia e foi encaminhado para a delegacia

- Publicado no dia
Nelson Eugenio (Foto: Reprodução / Diário do Poder)

Um novo ato de intolerância teve lugar em Salvador nesta sexta-feira (5). Um professor da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) foi preso após atropelar pessoas que vendiam camisas do candidato à presidência pelo PSL, Jair Bolsonaro. [1]

O crime, segundo informações do repórter Marcelo Castro, da TV Record, aconteceu na orla de Stella Maris. Uma guarnição da 15ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) foi a responsável por realizar a prisão do professor, que em seguida foi encaminhado para uma delegacia. Ainda não há informações sobre o estado de saúde das pessoas que foram atropeladas.

Nelson se formou em Ciência Política pela Universidade de Brasília e tem mestrado em Sociologia Política pela Universidade Federal de Santa Catarina e doutorado em Ciência Política pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul.


PUBLICIDADE


★ ★ ★

Nós criamos o Boletim da Liberdade porque acreditamos em um jornalismo sério, independente e de viés liberal. Você pode ajudar esse projeto.

Para que possamos manter e melhorar nossa missão de organizar, divulgar e apurar informações de interesse público, tornando-as acessíveis para todos, precisamos da sua ajuda. Se você é um entusiasta do Boletim, colabore fazendo uma assinatura ou fazendo uma doação de qualquer valor. Contamos com você para viabilizar um jornalismo mais plural e democrático no Brasil.

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Seja um assinante e receba nosso conteúdo por Whatsapp


Seja um mantenedor com uma doação única de qualquer valor


Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.