PUBLICIDADE


Kim Kataguiri envia recado para Amoêdo e declara voto em Bolsonaro

Para Kim, a candidatura do Partido Novo à presidência não tem condições de avançar ao segundo turno e a direita deveria se unir em torno de uma candidatura mais forte

- Publicado no dia
Kim Kataguiri (Foto: Reprodução / Folha)

Candidato a deputado federal pelo DEM e coordenador do Movimento Brasil Livre, Kim Kataguiri publicou um vídeo nesta quinta-feira (4) endereçando um recado ao presidenciável do Partido Novo, João Amoêdo.

O NOVO, para ele, é “uma força política que se mostrou significativa” e já tem seu espaço “no debate público nacional”.  Kim afirmou que concorda mais com Amoêdo “que com qualquer outro candidato à presidência da República”, que seu programa de governo é “um norte a ser seguido”, mas que, desprovido de estrutura partidária e tempo de TV, Amoêdo não conseguirá chegar ao segundo turno.

“A gente tem uma ameaça iminente chamada Fernando Haddad”, enfatizou. Ele frisou que a direita precisa trabalhar para obter realizações que trarão frutos em duas décadas e, infelizmente, o discurso de Amoêdo ficou “muito técnico e muito econômico”.

Para Kim, todos devem se unir em torno de uma candidatura mais forte e pragmática que possa derrotar o PT, expulsando a legenda por pelo menos quatro anos do Planalto. Confira:


PUBLICIDADE



Já nesta sexta-feira (5), Kim declarou seu voto em Jair Bolsonaro (PSL), afirmando que lutaria para aprovar o plano econômico de Paulo Guedes. Confira:

★ ★ ★

Nós criamos o Boletim da Liberdade porque acreditamos em um jornalismo sério, independente e de viés liberal. Você pode ajudar esse projeto.

Para que possamos manter e melhorar nossa missão de organizar, divulgar e apurar informações de interesse público, tornando-as acessíveis para todos, precisamos da sua ajuda. Se você é um entusiasta do Boletim, colabore fazendo uma assinatura ou fazendo uma doação de qualquer valor. Contamos com você para viabilizar um jornalismo mais plural e democrático no Brasil.

Leia também:  Livres emite nota considerando manifestações pró-Bolsonaro 'antiliberais'
Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Seja um assinante e receba nosso conteúdo por Whatsapp


Seja um mantenedor com uma doação única de qualquer valor


Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.