Bolsonaro especula Flávio Rocha como ministro em reunião com empresários

O dono da Riachuelo foi citado como um possível ministro no governo Bolsonaro, depois de ter desistido da própria candidatura presidencial

- Publicado no dia
Flávio Rocha (Foto: Reprodução / Veja)

O empresário Flávio Rocha chegou a pleitear a posição de candidato à presidência da República. Contava até com o apoio do Movimento Brasil Livre para o empreendimento. O projeto, entretanto, foi cancelado, e, em uma dessas voltas que a vida dá, o dono da Riachuelo pode se tornar ministro de Jair Bolsonaro em um eventual governo do candidato do PSL. Ao menos é o que indica matéria publicada neste domingo (12) pela Folha de S. Paulo. [1]

Segundo o texto, Bolsonaro esteve reunido com 62 empresários paulistas na última sexta-feira (10) e cogitou o nome de Rocha para o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio. Ainda brincou, dizendo que ele seria seu “vice-presidente de honra”; Rocha estava presente.

A reunião não era para formalizar compromissos de apoio e sim uma reunião de sondagem. No entanto, a Folha garante que alguns nomes importantes ficaram convencidos, especialmente porque Bolsonaro não pediu doações para sua campanha.


PUBLICIDADE



Confira também:

► CHEGOU A HORA DE APRENDER SOBRE BITCOINS EM UM GUIA OBJETIVO: Um treinamento para iniciar no mercado de criptomoedas e ganhar dinheiro.

► CRIE UM NEGÓCIO ONLINE E COMPLEMENTE A SUA RENDA. Siga o passo a passo para em 30 dias começar a faturar sem sair de casa.

► VOCÊ SABIA QUE EXISTE TÉCNICA PARA GANHAR NA LOTERIA? Quem comprou, não se arrependeu. 10 dias de garantia ou o seu dinheiro de volta

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Seja um assinante e receba nosso conteúdo por Whatsapp


Seja um mantenedor com uma doação única de qualquer valor

Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.