fbpx
PUBLICIDADE

Ele está de volta: Enéas volta à política agora como ‘sobrenome’ de sua filha

Gabriela Enéas, de 46 anos, disputará o governo de Minas Gerais pelo Partido da Mulher Brasileira (PMB) e, entrevista a um jornal, revelou semelhanças e diferenças de seu pai
Gabriela Enéas (Foto: Divulgação)

Gabriela Enéas (Foto: Divulgação)

O icônico médico Enéas Carneiro, eternizado pelo bordão “Meu nome é Enéas” e fundador do PRONA (hoje, fundido ao PR), voltará a ser lembrado nas eleições desse ano. É que sua filha, Gabriela, pretende disputar as eleições ao governo de Minas Gerais e deu indícios de que não pretende economizar em menções ao pai. [1]

Filiada ao PMB, Gabriela não tem formação superior e pretende frisar como slogan de campanha o seu parentesco: “Filha do Dr. Enéas”. Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, Gabriela também contou outros pontos em relação a sua candidatura e revelou mais sobre sua identidade.

Com 46 anos, a política afirma que é nacionalista como o pai e radicalmente contrária a privatizações, também como o seu genitor. Por outro lado, se considera de uma nova geração, defende a liberdade sexual, o aborto, a democracia e o desarmamento.





“A única diferença com meu pai é que eu sou mulher e sou de outra geração. Sou totalmente a favor de escolher o sexo que você quiser, de casar com quem você quiser. Não sou homofóbica. As pessoas têm que ser felizes”, disse.

Na mesma entrevista, a pré-candidata disse que o pai, morto em 2007, era “amigo” de Jair Bolsonaro, mas desconversou sobre a possibilidade de apoiar o candidato do PSL à presidência. Por fim, garantiu que pretende adaptar o bordão de seu pai nas eleições. Agora será: “Meu nome é Gabriela Enéas”.









O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama