SOBRE     ASSINE     NEWSLETTER     FACEBOOK     TWITTER     YOUTUBE



Crivella acusa Globo de defender aborto e incesto e ser inimiga dos evangélicos

Prefeito está ameaçado por três pedidos de impeachment protocolados na Câmara dos Vereadores e respondeu e atacando a Globo

- Publicado no dia
Marcelo Crivella (Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil)

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, tem três pedidos de impeachment protocolados na Câmara de Vereadores para enfrentar depois que o jornal O Globo revelou áudios em que o Ministério Público enxerga indícios de favorecimento a lideranças evangélicas. O prefeito respondeu atacando nesta terça-feira (10).

Em entrevista ao SBT, Crivella disse que toda essa história foi fabricada pela Rede Globo porque a emissora é “inimiga dos evangélicos”, além de defensora do aborto e do incesto e, consequentemente, da “destruição da família”. Segundo o prefeito, os áudios significam apenas sugestões e esclarecimentos e não a oferta de facilidades.

Ele asseverou que a Globo é “inimiga jurada dos evangélicos” e “faz campanha contra os evangélicos na política, os evangélicos no palácio, os evangélicos onde for, porque defende o aborto, porque prega contra a família, porque defende o incesto, porque prega todo tipo de coisa que está contra católicos e evangélicos”. Confira a entrevista na íntegra:


PUBLICIDADE



Confira também:

► CHEGOU A HORA DE APRENDER SOBRE BITCOINS EM UM GUIA OBJETIVO: Um treinamento para iniciar no mercado de criptomoedas e ganhar dinheiro.

► CRIE UM NEGÓCIO ONLINE E COMPLEMENTE A SUA RENDA. Siga o passo a passo para em 30 dias começar a faturar sem sair de casa.

► VOCÊ SABIA QUE EXISTE TÉCNICA PARA GANHAR NA LOTERIA? Quem comprou, não se arrependeu. 10 dias de garantia ou o seu dinheiro de volta

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Seja um assinante e receba nosso conteúdo por Whatsapp


Seja um mantenedor com uma doação única de qualquer valor

Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo