SOBRE     ASSINE     NEWSLETTER     FACEBOOK     TWITTER     YOUTUBE



PSL cogita expulsar Joice Hasselmann após jornalista comentar disputa pelo governo de SP

De acordo com o site ‘O Antagonista’, o pré-candidato à presidência da república Jair Bolsonaro teria considerado um ‘absurdo’ recente declarações da jornalista, que parte do partido quer que concorra ao governo

- Publicado no dia
O deputado federal e pré-candidato à presidência da república Jair Bolsonaro e a jornalista Joice Hasselmann em vídeo antigo (Foot: Reprodução)

A jornalista Joice Hasselmann, com mais de 1 milhão de seguidores no Facebook e que ganhou notoriedade na revista Veja, pode ser expulsa do PSL antes mesmo de estrear nas urnas. De acordo com o site O Antagonista, Jair Bolsonaro e a cúpula do partido se reunirão nos próximos dias para discutir um gesto político da jornalista considerado inapropriado. [1][2]

A confusão teve início em um evento ocorrido no interior de São Paulo promovido pelo Instituto Liberal da Alta Noroeste (ILAN). Na ocasião, Joice foi instada a comentar sobre a possibilidade de concorrer ao governo do Estado de São Paulo por um dos presentes. [3][4]

Orgulhosa, deu publicidade a esse fato em suas numerosas redes e criticou os demais pré-candidatos na disputa, o que incomodou o partido. O PSL entende que uma aliança bem costurada em São Paulo poderia impulsionar a eleição nacional de Jair Bolsonaro. Nesse sentido, houve até menções positivas de Jair Bolsonaro à Paulo Skaf, pré-candidato ao governo pelo PMDB, fala que foi muito criticada por Joice na ocasião. [5]


PUBLICIDADE



Presidente estadual do PSL de São Paulo, o deputado federal Major Olímpio, que planeja concorrer ao Senado Federal, reagiu fortemente aos boatos de que Joice Hasselmann poderia concorrer ao governo e divulgou um vídeo no último sábado (16) nas redes sociais em forma de “comunicado oficial” do partido: [6]

“Eu venho a público para desmentir qualquer lançamento de pré-candidatura pelo PSL ao governo do estado. Pior ainda foram postagens da própria filiada desrespeitando a executiva estadual e desrespeitando a resolução da executiva nacional do partido, que estabelece que definição de candidatura ao governo do estado é de responsabilidade da executiva estadual”, disse Olímpio.

Em seguida, o deputado deixou um recado para Joice: “Aqueles que acham que o partido é ‘casa de mãe Joana’, que podem mandar e deliberar pela internet, vão cair do cavalo. Não vamos aceitar nenhum Cavalo de Tróia que queira destruir a união formada no partido”, afirmou Olímpio, em indireta à Joice. [7]

Nesse meio tempo, um grupo político ligado ao ex-ator Alexandre Frota, que pretende disputar a uma cadeira na Câmara pelo partido, também lançou vídeos na internet atacando a jornalista. Em determinado momento, dão a entender que Joice estava articulando estadualmente para, ao fim, ajudar João Doria (PSDB). [8]

Resposta

Joice Hasselmann comentou no fim da manhã desta sexta-feira (21) sobre a possibilidade de expulsão do partido. Em vídeo publicado no Facebook, a jornalista relata que tem o apoio de alas internas do partido e que o deputado federal Major Olímpio, presidente estadual do PSL, nunca sequer aprovou a ideia de ela filiar-se à legenda.

“Por mim, o Major Olímpio nem estaria no PSL pelo histórico que tem. É um homem que tem todo um viés de esquerda, que veio do PDT, PV, são esses partidos. Esteve lá pelo Solidariedade, onde disputou o governo. Se eu tivesse poder para expulsá-lo, eu o expulsaria? Não. Sabe por quê? Eu não faço parte da política do coronelato. Acho que as pessoas têm o direito de divergir”, disse, complementando que o próprio Jair Bolsonaro durante muito tempo teve liberdade no Partido Progressista.

No mesmo vídeo, a jornalista afirma que tem feito “todos os discursos em tom elogioso” a Jair Bolsonaro e que não há “nenhuma crítica infundada” ao pré-candidato à presidência da república.

Após deixar a Rádio Jovem Pan, em abril, Joice decidiu entrar para a política e filiou-se ao PSL. Aspirava concorrer à vice-presidência na chapa de Jair Bolsonaro ou, ainda, disputar o Senado e, uma vez eleita, tornar-se líder do governo no Senado. O partido, porém, sempre ambicionou que Joice disputasse mesmo a uma cadeira na Câmara dos Deputados.

+ CURSO SEGREDOS DO BITCOIN 2.0: Treinamento para iniciar no mercado de criptomoedas

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Seja um assinante e receba nosso conteúdo por Whatsapp


Seja um mantenedor com uma doação única de qualquer valor

Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também