fbpx
PUBLICIDADE


Imil e Instituto Liberdade estão no ranking de melhores think tanks da Universidade da Pensilvânia

Instituições pela liberdade são reconhecidas pela Universidade da Pensilvânia como referências; Imil também obteve colocação no ranking da NGO Advisor

- Publicado no dia
(Foto: Reprodução / RSIS)

O Instituto Millenium e o Instituto Liberdade conquistaram posições na lista de 2017 de melhores think tanks do Brasil em ranking montado pela Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos. Da lista de centros de pensamento das Américas do Sul e Central, com 13 instituições brasileiras de destaque, tendo a Fundação Getúlio Vargas na liderança, o Imil está na oitava posição e o Instituto Liberdade na décima primeira. [1]

O Imil figura pela quarta vez consecutiva na lista. Considerando os think tanks de toda a América do Sul e a América Central, a posição é a trigésima quarta, enquanto o Instituto Liberdade figura na sexagésima nona. A diretora executiva do Imil, Priscila Pereira Pinto, comentou: “Isso mostra que nosso conteúdo é valioso e compartilhado por pessoas que estão famintas por informação confiável e analítica. As pessoas querem entender como funciona a economia, a democracia, como podem participar do processo político. É uma honra estarmos no ranking, é o reconhecimento de um trabalho que há anos está forte no site, mas também nas salas de aula de universidades públicas e privadas de todo o país”.


PUBLICIDADE



O estudo feito pela Universidade da Pensilvânia avalia o papel e relevância de instituições da sociedade civil que atuam em diferentes áreas, sendo publicado anualmente desde 2007. O Imil também comemorou sua 418ª posição em ranking avaliado pela NGO Advisor, dedicada ao estudo de organizações não governamentais no mundo.

Leia mais:

+Instituto Millenium lança novo site e vídeo em defesa de privatizações

+Instituto Millenium divulga vídeo com o dia a dia de sua equipe

+Instituto Liberdade celebra seus 30 anos com concurso de fotografia

+Concurso seleciona melhores artigos em defesa da luta contra a corrupção

★ ★ ★

Se você acompanha e aprecia o trabalho jornalístico do Boletim da Liberdade, e valoriza a importância de existir um veículo profissional com viés liberal, pedimos que:

➡ Considere fazer uma assinatura solidária ao Boletim. Com uma contribuição mensal, você ajuda que o site continue no ar e possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos. Curta nossas publicações, compartilhe-as para seus amigos e fale do site para conhecidos e familiares liberais. Toda ajuda faz diferença.

Curta nossa página no Facebook

Notícias no WhatsApp
O sexto grupo do Boletim da Liberdade no WhatsApp está com vagas abertas. É por tempo limitado. Entre apenas caso tenha interesse em notícias sobre política e economia com um viés liberal. Clique aqui para entrar.
Siga-nos no Twitter

Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.