fbpx
PUBLICIDADE

Eduardo Paes diz que revisará decreto polêmico sobre passaporte

Prefeito havia editado decreto que proibia até acesso a shopping, táxis e carros de aplicativos, medida que gerou polêmica
Foto: Reprodução
PUBLICIDADE

O prefeito Eduardo Paes (PSD), do Rio de Janeiro, disse no início da tarde desta quinta-feira (2) que reverá ao menos parte do polêmico decreto publicado nesta manhã sobre o passaporte vacinal. [1]

PUBLICIDADE

Na avaliação do político revelada em coletiva de imprensa, houve certo “exagero” em algumas medidas e que é preciso ter atenção quanto a praticidade das propostas.

“Eu assinei o decreto, mas tem que ver a praticidade de algumas medidas mesmo. Eu, por exemplo, tinha visto ontem [previsão de passaporte para acesso ao] quiosque de praia e eu tirei. Então o shopping center, centro comercial, é muito difícil fazer esse controle. […] No caso do táxi e dos shoppings, acho que a gente recua nisso amanhã”, disse.

PUBLICIDADE

Leia também:  Vereador liberal obtém liminar e derruba 'iFood' estatal

Na sequência, Paes voltou a defender o passaporte vacinal – segundo ele, uma proteção para a cidade ficar aberta.

Desde que veio à tona, o decreto foi duramente criticado nas redes sociais e também pelo deputado estadual Alexandre Freitas (sem partido/RJ), um dos principais políticos liberais do Rio.

Em suas redes, o parlamentar havia pontuado que a medida era “absurda e autoritária” e sustentado que o ato de vacinar “deve ser o exercício de uma liberdade, nunca uma obrigação imposta pelo Estado”.

PUBLICIDADE

Entre em nossos grupos do WhatsApp para continuar tendo acesso às nossas notícias, incluindo um balanço semanal do principal que foi publicado. É gratuito. Clique aqui.

Aproveitamos para te convidar a assistir abaixo a nossa última transmissão ao vivo em nosso canal do YouTube tendo como tema petróleo, polêmicas e soluções:

PUBLICIDADE

Leia também:  Vereador liberal obtém liminar e derruba 'iFood' estatal
Compartilhe essa notícia:

APOIO

Obrigado por ter lido até aqui.

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Você tem certeza que deseja cancelar sua assinatura?