fbpx
PUBLICIDADE

Cresce a quantidade de civis com armas de fogo durante governo Bolsonaro

Fórum Brasileiro de Segurança Pública divulgou um amplo conjunto de dados em seu Anuário de Segurança Pública com dados do Exército Brasileiro e da Polícia Federal
Jair Bolsonaro segura fuzil em feira de armas no Rio, em 2018 (Foto: Reprodução/Facebook)
PUBLICIDADE

Cresceu no Brasil a quantidade de armas de fogo registradas. As informações são oficiais da Polícia Federal e publicadas no Anuário Brasileiro de Segurança Pública, publicação do Fórum Brasileiro de Segurança Pública. [1]

PUBLICIDADE

Segundo o levantamento, em 2017 o Brasil tinha 637.972 registros de de arma de fogo ativos no SINARM, sistema nacional da Polícia Federal. Em 2020, o número absoluto chegou a 1.279.191.

Foto: Reprodução

Desse montante, os registros ativos são:

PUBLICIDADE

Cidadão: 526.789
Caçador de Subsistência: 5.575
Servidor público (porte por prerrogativa): 110.594
Empresa de Segurança Privada: 259.963
Empresa Comercial: 10.311
Órgão Público com taxa: 24.842
Órgão Público sem taxa: 334.999
Empresa com segurança orgânica: 4.838
Revendedor: 743
Fabricante/Importador: 83
Outras categorias: 754

Leia também:  Deputada quer transformar decretos sobre armas em lei

Os dados também indicam que, em 2020, foram registradas 186.071 armas de fogo novas – um crescimento de 97,1% em relação ao ano de 2019, quando houve 94.416 registros.

O estados com mais registros novos foram Minas Gerais, com 22.068, seguido do Rio Grande do Sul, com 19.043.

O balanço do Fórum Brasileiro de Segurança Pública também traz dados do Exército Brasileiro, que controla os chamados registros de CAC (Caçadores, Atiradores e Colecionadores). Ao todo, o Brasil tem 286.901 cidadãos com esse certificado e que controlam 561.331 armas cadastradas.

PUBLICIDADE

Compartilhe essa notícia:

Leu até aqui? Siga nas redes!

MARCAS APOIADORAS

Podcast

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Você tem certeza que deseja cancelar sua assinatura?