fbpx
PUBLICIDADE

Inflação de maio é a pior desde 1996 pelo IPCA, anuncia IBGE

Aumento no valor de alimentos e da energia elétrica está fazendo a inflação subir; IGP-M, que é referência para aluguéis, se aproxima no acumulado anual de 40%
Ministério da Economia (Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)
PUBLICIDADE

O IBGE divulgou nesta quarta-feira (9) os números do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) do mês de maio. Ao todo, houve 0,83% de aumento nos preços, o que representa a maior inflação já registrada para o período desde 1996.

PUBLICIDADE

Ao longo dos últimos 12 meses, o IPCA atingiu 8,06%. A maior alta veio no custo da energia elétrica, que subiu 5,37%. Também se destacaram no aumento os valores de eletroeletrônicos (2,16%), gás de botijão (1,24%), gás encanado (4,58%) e etanol (12,92%).

Ao longo dos últimos 12 meses, também houve grande aumento no valor de alimentos. Arroz (51,83%) e carne (38%) são destaques negativos nesse processo.

PUBLICIDADE

Já o Índice Geral de Preços Mercado (IGP-M), que é a referência para o reajuste, por exemplo, dos aluguéis, subiu 4,10% em maio e acumula 37,04% nos últimos 12 meses. [1]

Compartilhe essa notícia:

Leu até aqui? Siga nas redes!

MARCAS APOIADORAS

Podcast

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?