fbpx
PUBLICIDADE


Carlos Bolsonaro critica Partido Novo e Paulo Ganime e recebe resposta

O motivo da investida foi a crítica do deputado federal ao conteúdo do vídeo da reunião ministerial divulgada com autorização do ministro Celso de Mello

- Publicado no dia
Carlos Bolsonaro (Foto: Marcello Casal jr/Agência Brasil)

O vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ) publicou em sua página no Twitter neste sábado (23) um ataque ao Partido Novo e ao deputado federal Paulo Ganime (NOVO-RJ), atual líder da sigla na Câmara dos Deputados. A investida do filho do presidente da República não permaneceu sem resposta.

O motivo foi a publicação de Ganime, mais cedo, dizendo que a reunião ministerial veiculada mediante a liberação do ministro do Supremo Tribunal Federal, Celso de Mello, havia exibido desorganização e linguajar inadequado, mas isso não o surpreendia porque “esse sempre foi o perfil do presidente”. Carlos Bolsonaro reproduziu a publicação de Ganime e questionou ironicamente: “É possível existir algo mais pau mole que um PSDB? Sim, partido novo, (x) nov(x) menin(x) permitid(x) do sistema”.

Ganime retrucou: “Tem é que ter muito culhão para ser do NOVO, pois não adotamos a postura mais fácil que seria escolher um lado. Criticamos quando erra e defendemos quando acerta, ou seja, desagradamos todo mundo. Mas nós entramos na política para isso, para fazer o certo!”. O vereador não deu a discussão por encerrada e insistiu, provocando os filiados e o eleitorado do Partido Novo.


PUBLICIDADE



“Sim, é muito difícil ficar em cima do muro e não ter lado nenhum. É uma postura muito corajosa encravar a calça e ficar rebolando pra lá e pra cá. Por isso o povo, que admira pessoas corajosas, votou em peso no seu líder sofisticado, né? Meus parabéns!”, debochou Carlos Bolsonaro.

+ ÚLTIMAS VAGAS: Curso de Introdução de Liberalismo abre vagas para a primeira turma por tempo limitado

★ ★ ★

Se você acompanha e aprecia o trabalho jornalístico do Boletim da Liberdade, e valoriza a importância de existir um veículo profissional com viés liberal, pedimos que:

➡ Considere fazer uma assinatura solidária ao Boletim. Com uma contribuição mensal, você ajuda que o site continue no ar e possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos. Curta nossas publicações, compartilhe-as para seus amigos e fale do site para conhecidos e familiares liberais. Toda ajuda faz diferença.

Curta nossa página no Facebook

Notícias no WhatsApp
O Boletim da Liberdade abriu mais um grupo no WhatsApp para recebimento de conteúdos especiais. Mas entre logo: é por tempo limitado. Participe apenas caso tenha interesse em notícias sobre política e economia com um viés liberal. Clique aqui para entrar.
Siga-nos no Twitter

Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



PUBLICIDADE
Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.