fbpx
PUBLICIDADE


Na TV, Bolsonaro celebra aprovação na CCJ da reforma da Previdência: assista

Em rede nacional de televisão, o presidente da República também salientou o “comprometimento” do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, e disse contar com o “espírito patriótico” dos parlamentares

- Publicado no dia
(Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil)

O presidente Jair Bolsonaro agradeceu em rede nacional de televisão o apoio dos parlamentares da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados que, nesta terça-feira (23), aprovaram a constitucionalidade da reforma da Previdência.

Na transmissão, o presidente também mencionou o “comprometimento do presidente [da Câmara] Rodrigo Maia” e comunicou os brasileiros que os detalhes da proposta agora serão discutidos em comissão especial.


PUBLICIDADE



Bolsonaro afirmou esperar o “espírito patriótico” dos parlamentares para a aprovação da reforma tanto na nova etapa, como também quando for ao plenário. E alertou:

“É muito importante lembrar que, se nada for feito, o país não terá recursos para garantir aposentadoria para todos os brasileiros. Sem mudanças, o governo não terá condições de investir nas áreas mais importantes para as famílias, como saúde, educação e segurança”.

“Senhoras e senhores, boa noite.

Ontem, a Comissão de Constituição e Justiça aprovou a constitucionalidade da proposta que cria a nova Previdência. Agradeço o empenho e o trabalho da maioria dos integrantes da comissão e também o comprometimento do presidente Rodrigo Maia. A proposta segue agora para a comissão especial, onde os deputados vão discutir os detalhes do projeto.

O governo continua a contar com o espírito patriótico dos parlamentares para a aprovação da nova Previdência nessa segunda etapa e também posteriormente no plenário da Câmara dos Deputados. É muito importante lembrar que, se nada for feito, o país não terá recursos para garantir aposentadoria para todos os brasileiros.

Sem mudanças, o governo não terá condições de investir nas áreas mais importantes para as famílias, como saúde, educação e segurança. Temos certeza que a nova Previdência vai fazer o Brasil retomar o crescimento, gerar empregos e principalmente reduzir a desigualdade social porque, com a reforma, os mais pobres pagarão menos.

O Brasil tem pressa.

Muito obrigado a todos e boa noite.”

★ ★ ★

Se você acompanha e aprecia o trabalho jornalístico do Boletim da Liberdade, e valoriza a importância de existir um veículo profissional com viés liberal, pedimos que:

➡ Considere fazer uma assinatura solidária ao Boletim. Com uma contribuição mensal, você ajuda que o site continue no ar e possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos. Curta nossas publicações, compartilhe-as para seus amigos e fale do site para conhecidos e familiares liberais. Toda ajuda faz diferença.

Curta nossa página no Facebook

Notícias no WhatsApp
O sexto grupo do Boletim da Liberdade no WhatsApp está com vagas abertas. É por tempo limitado. Entre apenas caso tenha interesse em notícias sobre política e economia com um viés liberal. Clique aqui para entrar.
Siga-nos no Twitter

Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.