fbpx
PUBLICIDADE

Aliados de Bolsonaro querem contraponto conservador ao Foro de São Paulo

"Cúpula Conservadora das Américas" pretende reunir lideranças políticas e intelectuais de partidos e grupos de direita de toda a América Latina
Foto: Divulgação
Divuigação do evento (Foto: Reprodução / Youtube)

Aliados do pré-candidato à presidência Jair Bolsonaro estão articulando um contraponto ao Foro de São Paulo, encontro que reúne lideranças e intelectuais de esquerda de toda a América Latina. A “Cúpula Conservadora das Américas”, marcada para ter sua primeira edição em 28 de julho, pretende reunir a “direita” do continente.

O evento será em Foz do Iguaçu e está sendo coordenada pelos deputados Fernando Francischini (PSL-PR) e Eduardo Bolsonaro (PSC-SP). Francischini disse à Gazeta do Povo que o evento trará “autoridades dos cinco países que mudaram recentemente de governos de esquerda para governos de direita”, porque “o Brasil, como o maior país da América do Sul, não podia deixar de começar um debate sobre economia, cultura, segurança e política”. [1]

A 24ª edição anual do próprio Foro de São Paulo acontece entre os dias 15 e 17 de julho em Cuba. Francischini disse ainda que o local foi escolhido por ser a “tríplice fronteira mais conhecida”. A Cúpula está convidando “ministros e senadores da Colômbia, do Chile, Paraguai e Argentina, que representam os partidos de direita recém-eleitos”.





O encontro contará com mesas, palestras e debates, esperando receber 3 mil pessoas. O site do evento ainda será lançado, com a possibilidade de inscrição para participar e as informações detalhadas dos convidados confirmados. Confira o vídeo de divulgação de Eduardo Bolsonaro:

Compartilhe essa notícia:




O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama