fbpx

Justiça proíbe filho de Lula de se aproximar da mulher após denúncia de agressão

Nesta terça-feira (2), a médica denunciou o companheiro por agressão física e psicológica
Filho de Lula que agrediu mulher é proibido de se aproximar dela pela Justiça
Foto: Ricardo Stuckert/PR

Compartilhe

O filho do presidente Lula, Luis Cláudio Lula da Silva (39), não pode se aproximar da ex-mulher, a médica Natália Schincariol. A determinação é do Tribunal de Justiça de São Paulo, após o homem agredir a mulher. O TJ-SP também determinou que o agressor deve sair do apartamento onde vive com a vítima.

Nesta terça-feira (2), a médica denunciou Luis Cláudio por agressão física e psicológica na Delegacia da Mulher na cidade de São Paulo. Natália relatou que não é a primeira vez que sofreu agressão do filho de Lula. Ela relatou que em janeiro recebeu uma cotovelada na barriga. Além disso, ela disse que ele usou xingamentos como “vagabunda, gorda, feia e doente mental”.

Leia também:  Site bloqueia venda de camisetas "make Lula presidiário again"

De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima não fez a queixa anteriormente por ter sido intimidada, já que o “autor das agressões é filho do presidente da república”. Ela disse que ele usou essa prerrogativa para “acabar com a alma dela” e dizer que ninguém acreditaria nela.

Assine o Boletim da Liberdade e tenha acesso, entre outros, às edições semanais da coluna panorama

plugins premium WordPress
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?