fbpx

Renan Filho recebeu R$ 4,2 milhões de indenização da Braskem em sigilo

Renan Filho recebe R$ 4,2 milhões em indenização da Braskem
Os valores vieram à tona quando Rodrigo Cunha solicitou explicações à Braskem após reportagem feita pela revista VEJA

A Braskem pagou mais de R$ 4,2 milhões de indenização ao atual ministro dos Transportes, Renan Filho (MDB-AL), filho do senador Renan Calheiros. De acordo com ofício enviado pela própria Braskem, o ministro constava na lista de pessoas que deveriam receber indenização da empresa. O acordo corre em sigilo na Justiça Federal de Alagoas.

Nesse sentido, a mineradora confirmou que a empresa de comunicação que pertenceu a Renan Filho e sua esposa, Renata, tinha um imóvel na região atingida. No imóvel funcionavam duas rádios do Sistema Costa Dourada de Radiodifusão, que teve sua sede transferida para outro local.

Além disso, a Braskem informou que os mais de R$ 4,2 milhões pagos à empresa de Renan Filho e Renata cobriu “outros danos”. Os valores só vieram à tona porque o senador Rodrigo Cunha (Podemos-AL) solicitou explicações à Braskem após reportagem feita pela revista VEJA tornar o caso público. A Braskem disse ainda que um segundo acordo foi firmado com a empresa do ministro, porém correm sigilo na Justiça Federal de Alagoas.

Compartilhe essa notícia:

Assine o Boletim da Liberdade e tenha acesso, entre outros, às edições semanais da coluna panorama

plugins premium WordPress
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?