fbpx

Após decisão de Lula, Tarcísio anuncia escolas cívico-militares em SP

Foto: Escola Lima Neto/Facebook

Compartilhe

O governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas anunciou na noite desta quarta-feira (12) que criará o próprio programa de escolas cívico-militares no estado, após Lula anunciar que encerrará o modelo de ensino adotado por Jair Bolsonaro.

Leia também: Barroso assume ter atuado contra Bolsonaro, durante discurso no Conune

“O Governo de São Paulo vai editar um decreto para regular o seu próprio programa de escolas cívico-militares e ampliar unidades de ensino com este formato em todo o Estado”, disse.

“Fui aluno de Colégio Militar e sei da importância de um ensino de qualidade e como é preciso que a escola transmita valores corretos para os nossos jovens”, comentou.

Leia também:  Carla Zambelli convoca ato contra Lula na Avenida Paulista

O anúncio de Tarcísio vem em após decisão do governo Lula, que anunciou nesta quarta-feira (12) que o programa Pecim, de escolas cívico-militares será finalizado e que as 216 instituições deste modelo deverão fazer a transição para os moldes “normais”.

Com o fim do programa, o Ministério da Educação (MEC) disse que cada sistema de ensino deve definir estratégias específicas para reintegrar as unidades de educação às redes regulares.

A decisão do MEC foi enviada através de ofício aos secretários de educação de diversas regiões do Brasil.

De acordo com a Agência Brasil, o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) confirmou que outros estados receberam o ofício, mas ainda não se manifestou sobre o assunto.

Leia também:  Ministra de Lula, Anielle Franco usa catástrofe no RS para pedir votos ao PT

Assine o Boletim da Liberdade e tenha acesso, entre outros, às edições semanais da coluna panorama

plugins premium WordPress
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?