fbpx

ALESC terá frente da liberdade econômica

ALESC terá Frente Parlamentar da Liberdade Econômica e da Inovação
Requerimento foi feito pelo deputado estadual Matheus Cadorin (NOVO), que será coordenador da Frente

A partir da próxima semana, a Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina, ALESC, terá frente da Liberdade Econômica. O requerimento de instalação da frente foi feito pelo deputado Matheus Cadorin, do Partido NOVO, e teve todas as assinaturas necessárias para iniciar os trabalhos. 

O deputado catarinense destacou que essas ações são uma demonstração prática de como se manterá seu mandato. “A defesa da inovação e do empreendedorismo, com a diminuição de impostos e taxas, desburocratização para abertura, manutenção e fechamento de empresas e tantas outras atividades que serão executadas para apoiar o empreendedor”, explicou Cadorin. 

Uma frente parlamentar é formada por grupos de deputados de diferentes partidos para promover debates sobre temas específicos. As reuniões geralmente trazem entidades do setor, órgãos públicos e especialistas para compreender a legislação daquele tema. 

Sangue “NOVO”

Matheus Cadorin, 42, será coordenador da nova frente da Liberdade Econômica (Frente Parlamentar da Liberdade Econômica e da Inovação). Ele foi eleito com 12.390 votos em sua primeira tentativa. O parlamentar é natural de Joinville, onde esteve à frente dos Bombeiros Voluntários. Cadorin é formado em Relações Internacionais, tem experiência na área de gestão e foco na aceleração de startups. 

Foto: Divulgação/Matheus Cadorin
Foto: Divulgação/Matheus Cadorin

O deputado estadual assumiu a cadeira de Bruno Souza, que não concorreu a reeleição e disputou o cargo de deputado federal pelo NOVO. Como o partido fez apenas uma cadeira para o cargo, o deputado federal Gilson Marques retornou à Brasília para mais quatro anos de mandato. 

Souza também conduziu uma frente parlamentar de defesa da liberdade econômica e da desburocratização. Entretanto, como pede o regimento, uma frente parlamentar é encerrada com o fim de uma legislatura. 

Livre Mercado

Em Brasília, a Frente Parlamentar do Livre Mercado reuniu mais de 200 parlamentares, entre deputados e senadores, na última legislatura. Entre as principais pautas estava o debate sobre pautas liberais e o desenvolvimento de ações que melhorem o ambiente de negócios brasileiro.

Compartilhe essa notícia:

Assine o Boletim da Liberdade e tenha acesso, entre outros, às edições semanais da coluna panorama

plugins premium WordPress
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?