fbpx
PUBLICIDADE

Reforma administrativa é aprovada na Comissão Especial e um fato chama atenção

Partidos cederam cadeiras para o NOVO para auxiliar a aprovação do texto; deputados liberais se orgulham da reforma
Tiago Mitraud (Foto: Wilson Dias/Agência Brasil)
PUBLICIDADE

Por 28 a 18, o texto-base da reforma administrativa foi aprovado no fim da tarde desta quinta-feira (23) na comissão especial da Câmara dos Deputados.

PUBLICIDADE

A conquista foi celebrada por parlamentares liberais, que se comprometeram ainda a, no aperfeiçoamento do texto, “eliminar os jabutis” na votação de destaques, como definiu o deputado federal Tiago Mitraud (NOVO/MG) nas redes sociais. [1][2]

Ao todo, informa a “Agência Câmara”, foram seis horas de reunião. Dentre as principais novidades, estão maior previsão de avaliação do desempenho de servidores e a possibilidade de contratação temporária. O fim da estabilidade, no entanto, para servidores efetivos ficou de fora da reforma.

PUBLICIDADE

Presença do NOVO

No processo de votação, outra curiosidade. Parlamentares ligados ao governo mas que não gostariam de se comprometer com o eventual desgaste da aprovação da reforma cederam espaço na comissão especial para deputados federais do NOVO.

Leia também:  Em nota, mandatários do NOVO celebram encontro em Joinville

A sigla liberal, que teria direito a apenas uma cadeira, conseguiu atuar com quatro titulares: Lucas Gonzalez, na vaga do PSDB; Marcel van Hattem, na vaga do DEM; Paulo Ganime, na vaga do PL; além de Tiago Mitraud, na vaga original do partido.

“Uma coisa que eu e meus colegas de bancada temos é coragem de aprovar pautas que vão melhorar o Brasil”, escreveu Ganime, líder do NOVO na Câmara, no Twitter. [3]

A aprovação na Comissão Especial é apenas uma das etapas de tramitação da Proposta de Emenda Constitucional na Câmara, que ainda precisará ser aprovada no Plenário.

PUBLICIDADE

Compartilhe essa notícia:

Leu até aqui? Siga nas redes!

MARCAS APOIADORAS

Podcast

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Você tem certeza que deseja cancelar sua assinatura?