fbpx
PUBLICIDADE

NOVO declara apoio ao impeachment de Bolsonaro

Partido publicou comunicado em suas mídias oficiais pontuando três vetores principais: gestão da pandemia, indício de prevaricação e possível interferência na Polícia Federal e ABIN
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil
PUBLICIDADE

O Partido Novo anunciou no fim da manhã desta segunda-feira (5) que apoia o impeachment do presidente Jair Bolsonaro. [1]

PUBLICIDADE

Em longo texto publicado em seu site oficial, a sigla afirma que tomou a decisão “após detalhada análise técnica, consulta a juristas, discussões e ampla reflexão sobre os fatos apresentados e consolidados pela CPI da Pandemia”.

Dentre o que chamou de “potenciais crimes de responsabilidade cometidos pelo presidente”, a sigla fundada por João Amoêdo lista “omissões e péssimas ações na gestão da pandemia”, “fortes indícios de prevaricação em denúncia de esquema de corrupção” e “interferência na Polícia Federal, Ministério da Justiça e ABIN”.

PUBLICIDADE

Ao fim, o partido afirma que endossa “principalmente o pedido protocolado pelo movimento ‘Vem Pra Rua'” que retrataria 35 tipificações penais em 130 crimes cometidos pelo presidente.

Em comunicado enviado à imprensa, o presidente nacional do NOVO, Eduardo Ribeiro, afirmou ainda que “a pandemia escancarou a incapacidade do presidente de liderar a nação”.

Compartilhe essa notícia:




O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama