fbpx
PUBLICIDADE

Liberais reagem contra possibilidade de reeleição de Maia e Alcolumbre

Bancada do NOVO afirma que "conveniências políticas de ocasião não devem se sobrepor à Lei Maior do País" e Kim Kataguiri, do MBL, que seria "jogar na lata de lixo tudo o que uma Suprema Corte deveria representar"
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução
PUBLICIDADE

A possibilidade de reeleição dos presidentes da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado Federal, Davi Alcolumbre (DEM-AP) já foi admitida por quatro ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). [1]

PUBLICIDADE

A Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADIn) é do PTB. Nela a sigla pede para que seja proibida a recondução dos presidentes das casas legislativas do Congresso. O julgamento ocorre em plenário virtual, no qual os ministros têm um prazo para incluir os votos no sistema, sem votação oral, discussão e sem transmissão pela TV Justiça.

O deputado federal Paulo Ganime (Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados)

Para o deputado federal Paulo Ganime (NOVO/RJ), líder da bancada do NOVO na Câmara dos Deputados, esse entendimento representaria a “Constituição sendo rasgada por quem deveria defendê-la”. [2]

PUBLICIDADE

“Conveniências políticas de ocasião não devem se sobrepor à Lei Maior do País”, disse em nota a bancada do NOVO. [3]

O deputado federal Kim Kataguiri (DEM/SP), coordenador do Movimento Brasil Livre, afirmou que uma decisão desse gênero seria “jogar na lata de lixo tudo o que uma Suprema Corte deveria representar apenas para satisfazer desejos políticos de quem está no poder”. [4]


Adaptado da Agência Brasil (Karine Melo – Repórter Agência Brasil)

Compartilhe essa notícia:




O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama