fbpx
PUBLICIDADE

Doria afirma que, caso aprovada, vacina chinesa será obrigatória em SP

Governador tucano também falou que, na ausência de atestado que justifique não se vacinar, "medidas legais" poderão ser tomadas contra o cidadão que se recusar a tomar injeção
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil
PUBLICIDADE

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta sexta-feira (16) que será obrigatória a vacinação contra a Covid-19 quando o produto for aprovado pela Anvisa.

PUBLICIDADE

São Paulo, por meio do Instituto Butantan, está na fase final dos experimentos da vacina chinesa feita em parceria com a farmacêutica Sinovac. [1]

“Em São Paulo a vacinação será obrigatória, exceto para quem tenha orientação médica e atestado médico de que não pode tomar a vacina”, disse o governador, como reportado pelo site Época Negócios.

PUBLICIDADE

Doria ameaçou ainda que, caso haja insistência em posição contrária, haverá a tomada de “medidas legais”, sem detalhar quais.

Compartilhe essa notícia:

Leu até aqui? Siga nas redes!

MARCAS APOIADORAS

Podcast

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Você tem certeza que deseja cancelar sua assinatura?