fbpx

‘Não recomendamos ninguém a ir na manifestação’, diz Renan Santos, do MBL

Coordenador e estrategista do Movimento Brasil Livre criticou duramente nas redes sociais a articulação do governo e acusou aliados do presidente de estarem iludindo a população com as críticas ao Congresso
Renan Santos (Foto: Reprodução/YouTube)

Coordenador nacional e principal estrategista do Movimento Brasil Livre, Renan Santos defendeu na tarde desta terça-feira (3) que os brasileiros não participem das manifestações de rua de apoio ao presidente no dia 15 de março. Em transmissão ao vivo no Instagram, o coordenador criticou duramente a articulação do governo e afirmou que os brasileiros estão se sendo enganados por ‘malandros’.

[wp_ad_camp_1]

Na avaliação do ativista, os aliados e influenciadores ligados a Jair Bolsonaro estão iludindo a população na questão relativa ao relacionamento com o Congresso.

Para Renan, o governo negocia – e negocia mal – e, na polêmica relativa ao veto 52, que trata da disputa entre os poderes, a própria base de apoio do governo deixou passar a norma no passado. Crítica parecida também foi feita pela deputada estadual por São Paulo, Janaína Paschoal (PSL), que lamentou no plenário da ALESP que os parlamentares ligados ao governo não reagiram quando puderam.

“O Paulo Guedes tem um plano ambicioso, mas estão jogando nas costas dele a condução política desse plano. Isso não deveria ser a responsabilidade dele. É para isso que tem a Casa Civil, mas agora tem generais lá sem a menor capacidade para isso”, criticou.

[wp_ad_camp_3]

Compartilhe essa notícia:

Assine o Boletim da Liberdade e tenha acesso, entre outros, às edições semanais da coluna panorama

plugins premium WordPress
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?