fbpx
PUBLICIDADE

Com Boris Johnson, conservadores obtêm vitória expressiva em eleições britânicas

Partido Conservador conquistou sozinho maioria das cadeiras no Parlamento, o que lhe dará poder para fazer o Brexit sem a mesma dificuldade enfrentada antes; eleições antecipadas foram provocadas por Johsnon
(Foto: David Sedlecký/Wikimedia/Creative Commons)
(Foto: David Sedlecký/Wikimedia/Creative Commons)

Os britânicos deram um novo voto de confiança nos conservadores, liderados pelo primeiro-ministro Boris Johnson, nas eleições ocorridas nesta quinta-feira (12) no Reino Unido. Desde os anos 1980, o Partido Conservador não tinha resultado tão expressivo, enquanto que o Partido Trabalhista amargou um dos piores resultados de sua história recente. [1][2]

Com a maior parte da apuração concluída, o Partido Conservador já havia conquistado mais de 364 cadeiras até o início da manhã desta sexta-feira (13). Na legislatura anterior, tinha apenas 298.

Para obter maioria no Parlamento Britânico, é necessário um total de 326 assentos – algo que os conservadores, agora, conseguirão fazer sozinhos.





Com mais poder, ficará mais fácil o caminho da tão esperada retirada do Reino Unido da União Europeia no final de janeiro. Outra vez, os britânicos reforçaram a ideia de apoiarem o movimento, decidido por plebiscito em 2016.

A antecipação das eleições, que estavam previstas apenas para 2022, ocorreu por iniciativa do próprio primeiro-ministro Boris Johnson em outubro após ter perdido a maioria no Parlamento. Reconduzido ao cargo, Johnson formará novo governo.





O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama