fbpx
PUBLICIDADE


NOVO abre processo seletivo para candidatos a vereador em 17 cidades

Em 2016, partido fundado e presidido por João Amoêdo havia lançado apenas candidatos em cinco capitais; processo seletivo terá três fases que vão desde exames teóricos a avaliações comportamentais e práticas

- Publicado no dia
Militantes do NOVO se juntam para passeata na primeira eleição municipal que o partido disputou, em 2016, no Rio de Janeiro (Foto: Reprodução / Facebook)

Partido Novo começou a divulgar nesta sexta-feira (13) o primeiro edital do processo seletivo para filiados que desejam se candidatar a vereador nas eleições de 2020. Neste momento, foram abertas vagas para 17 capitais.

Além das cinco que lançou candidatos em 2016 (Rio de Janeiro, Belo Horizonte, São Paulo, Curitiba e Porto Alegre), o NOVO deseja candidatos próprios ao Legislativo Municipal em Belém (PA), Campo Grande (MS), Cuiabá (MT), Florianópolis (SC), Fortaleza (CE), Goiânia (GO), Manaus (AM), Natal (RN), Recife (PE), Salvador (BA), Teresina (PI) e Vitória (ES).


PUBLICIDADE



Para inscrever-se, é necessário estar filiado ao partido e pagar a taxa de R$ 350,00 – valor este que não é reembolsado em caso de reprovação. Ex-candidatos e atuais mandatários do NOVO terão, respectivamente, desconto e isenção nesse valor.

Processo Seletivo

O processo seletivo será composto por três fases. A primeira, que irá até janeiro de 2020, é composta pelo cadastro, prova e envio de um vídeo.

Na avaliação, serão analisados posicionamentos dos interessados em se candidatar sobre assuntos como urbanismo, mobilidade, saneamento, cultura, educação, esporte, turismo e saúde. Haverá um Comitê de Avaliação que selecionará os escolhidos. Dos 50 avaliadores, serão sorteados 5 para cada candidato.

A segunda etapa, por sua vez, consiste em uma entrevista individual feita à distância. Os interessados serão avaliados pelo “comportamento perante os temas questionados”, “como emprega o pensamento lógico e ético na construção de cenários e das respostas” e a “habilidade na formulação de posicionamentos sobre os temas da política brasileira”.

A última fase do processo, por sua vez, será composta por “tarefas e atividades onde o participante vivenciará situações práticas e públicas relacionadas às atividades partidárias, bem como em treinamentos e na preparação de temas para uma campanha eleitoral”.

Em processos passados, eles foram estimulados a gravar vídeos e organizar eventos para a divulgação do NOVO. O NOVO promete ainda 20 horas de vídeos-aulas e leituras para os interessados que chegarem a essa etapa. O resultado final do processo seletivo se dará em março de 2020. Para realizar a inscrição, clique aqui.

+ NOVO convoca filiados que querem ser prefeitos no interior: veja as cidades

+ Com taxa de R$ 4 mil, NOVO abre seleção para candidatos a prefeito em 2020

★ ★ ★

Se você acompanha e aprecia o trabalho jornalístico do Boletim da Liberdade, e valoriza a importância de existir um veículo profissional com viés liberal, pedimos que:

➡ Considere fazer uma assinatura solidária ao Boletim. Com uma contribuição mensal, você ajuda que o site continue no ar e possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos. Curta nossas publicações, compartilhe-as para seus amigos e fale do site para conhecidos e familiares liberais. Toda ajuda faz diferença.

Curta nossa página no Facebook

Notícias no WhatsApp
O sexto grupo do Boletim da Liberdade no WhatsApp está com vagas abertas. É por tempo limitado. Entre apenas caso tenha interesse em notícias sobre política e economia com um viés liberal. Clique aqui para entrar.
Siga-nos no Twitter

Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.