fbpx
PUBLICIDADE


Após ter sido citado em diálogos atribuídos a Moro, MBL divulga nota

Em vazamento de diálogos pelo jornal ‘Folha de S. Paulo’ em parceria com o blog ‘The Intercept’, ex-juiz Sérgio Moro teria reclamado de manifestação ligada “aos tontos do MBL” na frente da casa de Teori Zavascki

- Publicado no dia
Kim Kataguiri liderou milhões de pessoas nas grandes manifestações que levaram ao impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (Foto: Divulgação / Facebook)

O Movimento Brasil Livre divulgou na noite deste domingo (23) nota oficial após ter sido citado em diálogo atribuído ao então juiz Sérgio Moro e o procurador Deltan Dallagnol. Como noticiado pelo Boletim, Moro teria chegado a criticar ativistas “ligados” ao MBL de “tontos”. O vazamento das conversas foi no jornal Folha de S. Paulo em parceria com o blog The Intercept.

Segundo a nota, o vazamento representa uma “opinião particular do então juiz Moro”, o que seria algo sem interesse público, e “acontece num momento em que o MBL, juntamente com o Vem Pra Rua e outros movimentos organizam uma manifestação de apoio à Lava Jato”, previsto para o próximo domingo (30).


PUBLICIDADE



“Além de mostrar a independência das ações do MBL, contrariando a narrativa mentirosa dos petistas que diziam que operávamos coordenados com a Lava Jato, esse vazamento com claro objetivo de enfraquecer a manifestação do dia 30 não surtirá efeito algum”, diz o texto, que ressalta que “existe uma agenda política clara guiando” as conversas divulgadas.

+ Em novo vazamento, Sérgio Moro critica suposto ato do MBL contra STF

Foto: Divulgação
★ ★ ★

Se você acompanha e aprecia o trabalho jornalístico do Boletim da Liberdade, e valoriza a importância de existir um veículo profissional com viés liberal, pedimos que:

➡ Considere fazer uma assinatura solidária ao Boletim. Com uma contribuição mensal, você ajuda que o site continue no ar e possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos. Curta nossas publicações, compartilhe-as para seus amigos e fale do site para conhecidos e familiares liberais. Toda ajuda faz diferença.

Curta nossa página no Facebook

Notícias no WhatsApp
O sexto grupo do Boletim da Liberdade no WhatsApp está com vagas abertas. É por tempo limitado. Entre apenas caso tenha interesse em notícias sobre política e economia com um viés liberal. Clique aqui para entrar.
Siga-nos no Twitter

Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.