PUBLICIDADE


Toffoli toma decisão após Kim Kataguiri pedir voto aberto na Câmara

Deputado federal eleito pelo DEM/SP, Kim Kataguiri é um dos candidatos à presidência da Câmara dos Deputados e ingressou com pedido no STF para que a votação fosse aberta

- Publicado no dia
Dias Toffoli (Foto: Evaristo Sá / AFP)

O presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, decidiu rejeitar nesta quarta-feira (9) o pedido do deputado federal eleito Kim Kataguiri (DEM/SP) para que a eleição para a mesa diretora da Câmara fosse aberta.

Com a decisão, os deputados federais poderão votar em anonimato e estarão menos suscetíveis à pressão popular pelas suas escolhas.


PUBLICIDADE



Toffoli justificou sua decisão pela independência dos poderes e porque se trata de um “ato de condução interna dos trabalhos” da Câmara.

No Senado, contudo, o ministro Marco Aurélio Mello, em liminar, havia decidido que a eleição fosse aberta. Toffoli, contudo, deve rever a decisão de seu colega e decidir no mesmo sentido deliberado na eleição para a presidência da Câmara.

Confira também:

► CHEGOU A HORA DE APRENDER SOBRE BITCOINS EM UM GUIA OBJETIVO: Um treinamento para iniciar no mercado de criptomoedas e ganhar dinheiro.

► CRIE UM NEGÓCIO ONLINE E COMPLEMENTE A SUA RENDA. Siga o passo a passo para em 30 dias começar a faturar sem sair de casa.

► VOCÊ SABIA QUE EXISTE TÉCNICA PARA GANHAR NA LOTERIA? Quem comprou, não se arrependeu. 10 dias de garantia ou o seu dinheiro de volta

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Seja um assinante e receba nosso conteúdo por Whatsapp


Seja um mantenedor com uma doação única de qualquer valor

Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.