fbpx
PUBLICIDADE


Santoro: Marco Aurélio pode soltar 200 mil condenados juntos com Lula

Ex-presidente do Instituto Liberal, Bernardo Santoro afirmou nas redes sociais que ‘canetada’ de Marco Aurélio Mello pode soltar, junto com Lula, mais de 100 mil condenados

- Publicado no dia
Marco Aurélio Mello (Foto: Divulgação)

O advogado Bernardo Santoro, ex-presidente do Instituto Liberal, afirmou nas redes sociais que estima que a decisão do ministro Marco Aurélio Mello pode soltar mais de 200 mil presos condenados em segunda instância além do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. [1]

“Eu sequer faço a ideia de quantos marginais o Marco Aurélio soltou numa única canetada apenas para poder soltar o Lula. Eu estimo uns 200 mil vagabundos soltos amanhã.”, escreveu.

Dentre esses condenados que podem ser soltos a partir desta quinta-feira (20), estão estrelas da Operação Lava Jato.


PUBLICIDADE



★ ★ ★

Nós criamos o Boletim da Liberdade porque acreditamos em um jornalismo sério, independente e de viés liberal. Você pode ajudar esse projeto.

Para que possamos manter e melhorar nossa missão de organizar, divulgar e apurar informações de interesse público, tornando-as acessíveis para todos, precisamos da sua ajuda. Se você é um entusiasta do Boletim, colabore fazendo uma assinatura. Com menos de R$ 10 ao mês, você ajuda a viabilizar um jornalismo mais plural e democrático no Brasil e tem acesso a conteúdos exclusivos.

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.