fbpx
PUBLICIDADE

Admiradores do Partido Novo pressionam para Amoêdo ir ao debate na Band

Engenheiro está fora do debate porque a lei eleitoral torna o convite facultativo, mas apoiadores querem que a emissora faça o convide
João Amoêdo (Foto: Reprodução / A Crítica)
João Amoêdo (Foto: Reprodução / A Crítica)

O presidenciável do Partido Novo, o engenheiro João Amoêdo, não foi convidado para participar do primeiro debate entre os candidatos, marcado para esta quinta-feira (9), na Band. A legislação eleitoral obriga que as emissoras convidem apenas os nomes de partidos com pelo menos cinco parlamentares com mandato. Os entusiastas do NOVO não estão satisfeitos e resolveram agir nas redes sociais para pedir pela participação dele.

Na página da emissora em que o debate foi divulgado, várias manifestações foram publicadas nesse sentido. Em uma delas, Helio Beltrão, presidente do Instituto Mises Brasil, diz que a presença de Amoêdo seria muito importante por trazer “uma mensagem sóbria, séria e crucial”. Militante do NOVO no Rio, Marie Simone Sandy diz que a emissora não faz “o bom serviço de informar aos 60% de indecisos que há uma opção para a renovação, um candidato que representa um NOVO Brasil”.





A pressão foi feita exatamente depois que Amoedo convocou seus seguidores e eleitores, no último dia 5, a fazer essa mobilização. “Consideramos justo e democrático que todo candidato tenha o mesmo espaço nos veículos de imprensa. Só assim o cidadão vai poder escolher o melhor candidato”, frisou.

Compartilhe essa notícia:




O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama