PUBLICIDADE


Fundação Índigo lança programação da Cúpula Conservadora das Américas

Organizado pelo braço do PSL de Jair Bolsonaro, encontro nasce com a expectativa de ser um contraponto ao Foro de São Paulo e garante reunir ‘importantes líderes e economistas liberais’

- Publicado no dia
Foto: Reprodução

A Fundação Índigo de Políticas Públicas, ligada ao PSL, divulgou mais detalhes sobre a I Cúpula Conservadora das Américas, encontro que promete fazer um contraponto ao Foro de São Paulo.

O evento, que será organizado no dia 28 de julho em Foz do Iguaçu, Paraná, terá na programação quatro painéis que contemplarão as áreas da economia, segurança, cultura e política. Palestrarão personalidades do Brasil, Chile, Colômbia, Estados Unidos e Paraguai.


PUBLICIDADE



Dentre os nomes já confirmados, estão o de Paulo Guedes, descrito como “um dos maiores economistas do Brasil” e consultor no campo econômico de Jair Bolsonaro, o general da reserva Augusto Heleno Pereira, o professor Olavo de Carvalho e o pré-candidato à presidência da República Jair Bolsonaro.

Segundo a organização, a ideia é “reunir importantes líderes e economistas liberais da América Latina para debater os problemas atuais que ocorrem em nosso país e no mundo”.

Acesse o hotsite da Cúpula clicando aqui.

★ ★ ★

Nós criamos o Boletim da Liberdade porque acreditamos em um jornalismo sério, independente e de viés liberal. Você pode ajudar esse projeto.

Para que possamos manter e melhorar nossa missão de organizar, divulgar e apurar informações de interesse público, tornando-as acessíveis para todos, precisamos da sua ajuda. Se você é um entusiasta do Boletim, colabore fazendo uma assinatura ou fazendo uma doação de qualquer valor. Contamos com você para viabilizar um jornalismo mais plural e democrático no Brasil.

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Seja um assinante e receba nosso conteúdo por Whatsapp


Seja um mantenedor com uma doação única de qualquer valor


Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.