fbpx
PUBLICIDADE


Apoiado pelo MBL, Flávio Rocha acerta partido e será candidato a presidente

De acordo com o jornal ‘Folha de S. Paulo’, após meses de negociação o empresário teria acertado a legenda que disputará a presidência; Rocha é dono da varejista Riachuelo e fundador do Brasil 200

- Publicado no dia
(Foto: Reprodução / Revista Fórum)

O empresário Flávio Rocha disputará as eleições de 2018 pelo PRB. O acerto teria sido feito na manhã desta terça-feira (27), como informa o jornal Folha de S. Paulo. As negociações se estendiam desde o fim do ano passado. [1]

De acordo com a publicação, foi dada garantia de legenda após uma conversa com o ex-ministro Marcos Pereira, também bispo licenciado da Igreja Universal. O principal quadro do partido é o prefeito do Rio de Janeiro Marcelo Crivella, também ligado à igreja. Flávio Rocha é evangélico de outra denominação, mas os valores em comum podem ter contribuído com a aliança. Apesar disso, o PRB fez parte do governo Dilma.


PUBLICIDADE



Ainda de acordo com a publicação, em virtude do projeto político, Flávio Rocha deixará a diretoria do Grupo Guararapes, controlador da varejista Riachuelo, no próximo mês e teria dado garantia ao partido que poderá contribuir, do próprio bolso, com a campanha. Segundo a Folha de S. Paulo, a família do empresário tem um patrimônio estimado em R$ 1,3 bilhão.

Mais ativo nas redes desde o início do ano, com a criação do movimento Brasil 200, Flávio Rocha também é o candidato do MBL à presidência da república. Em seu discurso, prevalece a tendência liberal na economia e a preservação de valores conservadores no campo moral.

+ ‘Não estamos dividindo a direita’, diz Kim, do MBL, sobre apoio a Flávio Rocha

+ Com críticas a Bolsonaro, Kim lança CEO da Riachuelo como candidato do MBL

+ Em janeiro, Flávio Rocha falou em entrevista ao Boletim sobre a possibilidade de ser candidato à presidência

★ ★ ★

Se você acompanha e aprecia o trabalho jornalístico do Boletim da Liberdade, e valoriza a importância de existir um veículo profissional com viés liberal, pedimos que:

➡ Considere fazer uma assinatura solidária ao Boletim. Com uma contribuição mensal, você ajuda que o site continue no ar e possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos. Curta nossas publicações, compartilhe-as para seus amigos e fale do site para conhecidos e familiares liberais. Toda ajuda faz diferença.

Curta nossa página no Facebook

Notícias no WhatsApp
O sexto grupo do Boletim da Liberdade no WhatsApp está com vagas abertas. É por tempo limitado. Entre apenas caso tenha interesse em notícias sobre política e economia com um viés liberal. Clique aqui para entrar.
Siga-nos no Twitter

Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.