fbpx
PUBLICIDADE


‘Estou do lado dos dirigentes, não sou candidato’, diz Gustavo Franco ao ‘El País’

Economista afirmou ao periódico que está “do lado dos dirigentes” e não tem intenção em concorrer à vice-presidência da república ao lado de João Amoêdo; em 2017, Franco trocou o PSDB pelo NOVO

- Publicado no dia
Foto: Toni Pires

O economista Gustavo Franco, presidente da Fundação NOVO, afirmou em entrevista ao site em português do jornal El País que “não tem intenção de ser candidato”. A informação vai na contramão daquilo que vem sido aventado na imprensa sobre uma possível candidatura como vice-presidente do pré-candidato João Amoêdo.

Segundo Franco, que já foi presidente do Banco Central no governo FHC, ele é “apenas um filiado que está participando do processo de constituição da fundação do partido” e que, no NOVO, há “separação entre dirigentes e candidatos” e que ele está “do lado dos dirigentes”. [1]


PUBLICIDADE



Em janeiro, o presidente do NOVO Moisés Jardim afirmou ao Boletim que Franco era “um ótimo nome” e que não seria descartado, mas frisou não haver qualquer definição ainda. Na ocasião, procurado pelo Boletim para saber se aceitaria ser candidato à vice-presidência, Gustavo Franco não respondeu. [2]

★ ★ ★

Nós criamos o Boletim da Liberdade porque acreditamos em um jornalismo sério, independente e de viés liberal. Você pode ajudar esse projeto.

Para que possamos manter e melhorar nossa missão de organizar, divulgar e apurar informações de interesse público, tornando-as acessíveis para todos, precisamos da sua ajuda. Se você é um entusiasta do Boletim, colabore fazendo uma assinatura. Com menos de R$ 10 ao mês, você ajuda a viabilizar um jornalismo mais plural e democrático no Brasil e tem acesso a conteúdos exclusivos.

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.