SOBRE     ASSINE     NEWSLETTER     FACEBOOK     TWITTER     YOUTUBE



Onda liberal? Alckmin já fala em privatizar Petrobras e Caixa

Em entrevista ao programa ‘Canal Livre’, governador afirmou que poderia privatizar a estatal de petróleo desde que fosse discutida a “modelagem” do novo negócio; privatizações teriam início, porém, por outra empresa

- Publicado no dia
O governador Geraldo Alckmin é pré-candidato do PSDB à presidência da república (Foto: Adriano Vizoni/Folhapress)

Pré-candidato à presidência da república pelo PSDB, Geraldo Alckmin já não esconde as tonalidades liberais que pretende imprimir à sua campanha. Tendo como principal conselheiro econômico o economista Pérsio Arida (um dos idealizadores do Plano Real e ex-CEO do BTG Pactual), o governador de São Paulo adiantou na noite deste domingo (26) em entrevista na televisão que é favorável à privatização da Petrobras.


PUBLICIDADE



Participando do programa “Canal Livre”, exibido na TV Bandeirantes, Alckmin explicou que aceitaria a privatização da empresa desde que fosse discutida a “modelagem” do negócio. Questionado pelos entrevistadores se havia mudado de discurso desde quando concorreu em 2006, o tucano explicou que, na época, Lula o acusava de querer privatizar o Banco do Brasil. “Não iria e nem irei. Mas apoio a privatização em alguns momentos porque o estado não tem de ser empresário”, disse. [1]

O jornal Folha de S. Paulo, por sua vez, publicou nesta segunda-feira (26) que a equipe de Alckmin já estaria elaborando uma listagem de empresas a serem privatizadas caso vença. Embora o Banco do Brasil esteja fora dessa listagem, outro banco público encabeçaria a lista das empresas a serem privatizadas: a Caixa Econômica Federal. [2]

+ Alckmin diz em evento do ‘PSDB Esquerda Pra Valer’ que liberalismo completo é a incivilização

+ Alckmin diz que Lula é de extrema-direita

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Seja um assinante e receba nosso conteúdo por Whatsapp


Seja um mantenedor com uma doação única de qualquer valor

Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail




Leia também