fbpx
PUBLICIDADE


Nos EUA, Suprema Corte avalia caso sobre a liberdade de discriminar

O Boletim da Liberdade traz uma enquete a respeito do caso Jack Philipps vs. Casal Mullins, em discussão na Suprema Corte americana; Phillips, confeiteiro, recusou-se a fazer bolo a um casal homossexual

- Publicado no dia
(Foto: Mari Matsuri/AFP )

Uma sociedade verdadeiramente livre deve dar aos indivíduos a liberdade de discriminar seus pares? Essa é a discussão central do caso que está dividindo opiniões nos Estados Unidos, onde um confeiteiro negou-se a fazer um bolo a um casal homossexual.

Em 2012, Jack Philipps recusou-se a trabalhar para os noivos Dave Mullins e Charlie Craig, que – bastante aborrecidos – decidiram entrar com uma ação contra ele. A situação, porém, envolve diversos princípios e normas protegidas pela constituição americana, que vão desde a liberdade religiosa, à liberdade de expressão e igualdade de gênero.


PUBLICIDADE



Discussão subsequente do caso é até que ponto a produção de um bolo seria um mero serviço alimentício ou também uma liberdade de expressão do cozinheiro. A advogada do confeiteiro Phillips alega que seus bolos são verdadeiras “esculturas temporárias”. Por outro lado, os noivos garantem que sequer chegaram a pedir um desenho ou uma mensagem escrita.

Foto: AFP

“Fomos rejeitados pelo que somos, fomos humilhados publicamente pelo o que somos”, declarou um dos noivos à agência de notícias AFP.

Para completar a confusão, militam por ambos os lados em disputa diversas organizações e personalidades. De frente ao prédio da Suprema Corte americana, em Washington, militantes em favor do confeiteiro alegaram que o governo não deveria cumprir o papel de “chefe dos confeiteiros”, em uma alusão ao programa Cake Boss, no Brasil transmitido pela RecordTV. O julgamento do caso deve terminar apenas em 2018.

E você, tem opinião formada? Então vote na enquete abaixo, que ficará no ar até a próxima quinta-feira (14).

Em uma sociedade livre, as pessoas devem ter a liberdade de discriminar?

  • Sim (84%, 37 Votos)
  • >

  • Não (9%, 4 Votos)
  • >

  • Não tenho opinião formada (7%, 3 Votos)
  • >

Total de Participantes:: 44

Carregando ... Carregando ...

+ ÚLTIMAS VAGAS: Curso de Introdução de Liberalismo abre vagas para a primeira turma por tempo limitado

★ ★ ★

Se você acompanha e aprecia o trabalho jornalístico do Boletim da Liberdade, e valoriza a importância de existir um veículo profissional com viés liberal, pedimos que:

➡ Considere fazer uma assinatura solidária ao Boletim. Com uma contribuição mensal, você ajuda que o site continue no ar e possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos. Curta nossas publicações, compartilhe-as para seus amigos e fale do site para conhecidos e familiares liberais. Toda ajuda faz diferença.

Curta nossa página no Facebook

Notícias no WhatsApp
O Boletim da Liberdade abriu mais um grupo no WhatsApp para recebimento de conteúdos especiais. Mas entre logo: é por tempo limitado. Participe apenas caso tenha interesse em notícias sobre política e economia com um viés liberal. Clique aqui para entrar.
Siga-nos no Twitter

Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



PUBLICIDADE
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.